Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Processos de resiliência no contexto escolar de adolescentes com histórico de violência sexual

Texto completo
Autor(es):
Alex Sandro Gomes Pessoa [1] ; Renata Maria Coimbra [2] ; Amity Noltemeyer [3] ; Dorothy Bottrell [4]
Número total de Autores: 4
Afiliação do(s) autor(es):
[1] University of Western São Paulo - Brasil
[2] Sao Paulo State University - Brasil
[3] Victoria University - Austrália
[4] Miami University in Oxford - Estados Unidos
Número total de Afiliações: 4
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Educ. rev.; v. 33, 2017-07-13.
Resumo

Resumo: Esta pesquisa investiga o contexto escolar de adolescentes com histórico de violência sexual, enfatizando suas percepções em relação aos mecanismos de proteção e vulnerabilidade a partir de abordagem ecológica de resiliência. O estudo foi realizado em um programa social localizado numa cidade do interior do estado de São Paulo. Inicialmente, 31 adolescentes, de 12 a 18 anos, de ambos os sexos e com histórico de violência sexual responderam um questionário que avaliou os processos de resiliência. Baseado nessas repostas, um subgrupo de sete adolescentes foi selecionado para participar de entrevistas semiestruturadas que versavam sobre o papel das escolas em suas vidas. Cinco temas foram identificados a partir desses dados, abrangendo duas categorias nomeadas como “avaliação da estrutura escolar” e “processos formativos através da diversidade e diferença”. A exploração dos conteúdos das entrevistas revelou que as escolas ocupam um espaço ambivalente em termos dos fatores de risco e proteção na vida dos participantes, predominando indicadores sociais negativos. (AU)