Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Revisão da Dimensão Dependência do Inventário Dimensional Clínico da Personalidade

Texto completo
Autor(es):
Lucas de Francisco Carvalho [1] ; Giselle Pianowski [2]
Número total de Autores: 2
Afiliação do(s) autor(es):
[1] Universidade São Francisco - Brasil
[2] Universidade São Francisco - Brasil
Número total de Afiliações: 2
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Paidéia; v. 25, n. 60, p. 57-65, 2015-04-00.
Resumo

A avaliação da personalidade em níveis patológicos é um campo que demanda investimentos. Esse estudo teve como objetivo a revisão da dimensão Dependência do Inventário Dimensional Clínico da Personalidade (IDCP). Este trabalho foi realizado por meio da elaboração de novos itens com base na literatura e pela investigação das propriedades psicométricas em uma amostra de 199 participantes, com idades entre 18 e 54 anos (M = 26,37; DP = 8,13), sendo 71,4% mulheres, que responderam ao IDCP, ao NEO-PI-R e ao PID-5. A primeira etapa resultou em 57 itens que foram testados psicometricamente. Na segunda, a dimensão foi finalizada com 18 itens, com consistência interna de 0,89 e três fatores, sendo Autodesvalorização, Evitação do abandono e Insegurança, com coeficientes de consistência interna entre 0,79 e 0,91. Foram encontradas correlações esperadas entre a dimensão dependência e dimensões correlatas do NEO-PI-R e do PID-5. Os resultados evidenciam adequação da dimensão revisada. (AU)

Processo FAPESP: 12/12794-9 - Revisão do Inventário Dimensional Clínico da Personalidade (IDCP) de acordo com o DSM 5
Beneficiário:Lucas de Francisco Carvalho
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Jovens Pesquisadores