Busca avançada
Ano de início
Entree

Fernando Henrique de Oliveira Iazzetta

CV Lattes ORCID


Universidade de São Paulo (USP). Escola de Comunicações e Artes (ECA)  (Instituição Sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Professor Titular na área de Música e Tecnologia do Departamento de Música da Escola de Comunicações e Artes da USP e coordenador do NuSom - Núcleo de Pesquisas em Sonologia da USP. É pesquisador do LAMI - Laboratório de Acústica Musical e Informática. Dirige o Berro, selo digital voltado para produção de música experimental e arte sonora brasileira. Desde 2022 é editor da Revista Musica da USP. Graduou-se em percussão pelo Instituto de Artes da UNESP e realizou seu doutorado em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP com a tese "Sons de Silício: Corpos e Máquinas Fazendo Música". Foi pesquisador associado e professor no Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica da PUC-SP de 1997 a 2002. Durante esse período coordenou o CLM - Centro de Linguagem Musical juntamente com o compositor Silvio Ferraz. Atua como compositor musical e artista sonoro explorando práticas experimentais, processos interativos e o uso de recursos tecnológicos. Como pesquisador dedica-se ao campo da sonologia, com ênfase nos aspectos da cultura material e experimentalismo na música e nas artes sonoras. Entre 1994 e 1995 fez estágio como pesquisador associado no CNMAT - Center for New Music and Audio Technologies da Universidade da California em Berkeley desenvolvendo pesquisa sobre sistemas musicais interativos (Bolsa CNPq). Em 2003 realizou estágio como pesquisador visitante no Electronic Music Studio da McGill University em Montreal, Canadá (Bolsa Fapesp) e em 2006 no Ircam, em Paris (Bolsa Fapesp). Em 2008 foi compositor-residente no VICC-Visby International Centre for Composers, na Suécia. Em 2016 realizou estagio no CIRMMT - Centre for Interdisciplinary Research in Music Media and Technology da McGill University. É pesquisador do CNPq e autor de vários textos, entre eles os livros "Música: Processo e Dinâmica" (1993) e "Música e Mediação Tecnológica" (2009) e co-editor do livro "Make it Heard: a history of Brazilian Sound Art" (2019). Foi coordenador da área de Artes na Fapesp entre 2009 e 2021. Suas áreas de interesse são: sonologia, música e tecnologia, estudos do som, arte sonora, experimentalismo na música e acústica musical. (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o(a) pesquisador(a):
Ruidos a la brasileña 
Ruídos à brasileira 
Na onda da música e da tecnologia 
Voir des sons et entendre des mouvements 
Para ver sonidos y escuchar movimientos 
Vendo sons e ouvindo movimentos 
A música do futuro 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 20/07/2024
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Serviço temporariamente indisponível

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
Videos relacionados aos auxílios à pesquisa e bolsas

Arte e ciência


Publicado em 09 de abril de 2019 - Agência FAPESP. Exposição de obras sonoras explora interface entre arte e ciência. Com 20 trabalhos de diferentes autores, oficinas e performances, a ocupação Sons de Silício procura transpor dados obtidos pela ciência em estruturas sonoras. Mostra permanece no Espaço das Artes, na USP, até 26 de abril de 2019.

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador utilizando este formulário.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: