Busca avançada
Ano de início
Entree

Omar Ribeiro Thomaz

CV Lattes Google Scholar Citations


Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil

Livre-docente pelo Departamento de Antropologia Social da Unicamp (2019), Omar Ribeiro Thomaz é licenciado em História da Arte pela Universidat de Barcelona (1989), bacharel em em Arte Dramática - Estudio de Formación de Actores Nancy Tuñón (1988) e doutor Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (1997). Foi pesquisador do Centro Brasileiro e Análise e Planejamento por 12 anos e atualmente é professor livre-docente da Universidade Estadual de Campinas junto ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, ao Programa de Pós-Graduação em História (linha História Social da África) e ao Doutorado em Ciências Sociais. Realizou pós-doutoramento no Max Planck Institute for Social Anthropology (2007), em Halle Salle, Alemanha, com o apoio da Humboldt Foundation e foi pesquisador convidado no Instituto de Ciências Sociais (Universidade de Lisboa), Écoles des Hautes Études en Sciences Sociales, Centro de Estudos Sociais (Universidade de Coimbra), Universidade Livre de Berlim, Universidade Eduardo Mondlane e University of Massachussets Boston - entre outras instituições. Desenvolve pesquisa nas áreas de antropologia da guerra e do conflito e história social da África e do Caribe, tendo realizado pesquisa de campo no sul de Moçambique, em Uganda e no Haiti. Sua equipe, formada em grande medida por orientandos, vem realizando pesquisa em diferentes países africanos (Angola, Guiné-Bissau, Moçambique, Namíbia e África do Sul), no Caribe (Haiti e República Dominicana) e em territórios da Europa central e oriental (em particular Sérvia, Bósnia e antiga República Democrática Alemã). (Fonte: Currículo Lattes)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a) pesquisador(a)
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)
Auxílios à pesquisa
Bolsas no país
Bolsas no Exterior
Apoio FAPESP em números * Quantidades atualizadas em 21/05/2022
Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP
Contate o Pesquisador

Este canal da BV/FAPESP deve ser utilizado tão somente para mensagens, referentes aos projetos científicos financiados pela FAPESP.


 

 

 

 

Palavras-chave utilizadas pelo pesquisador
África Meridional África Ocidental África do Sul Africanismo Africanos Ajuda humanitária Angola Antropologia Rural Antropologia Urbana Antropologia política Antropologia Apartheid Bósnia-Herzegóvina Burocracia Campesinato Ciência Política Ciências Humanas Colonialismo Colonização Conflito social Conflito trabalhista Cooperação internacional Cosmologia religiosa Desastres ambientais Desenvolvimento Diáspora Dinâmica de populações Elite Ensino superior Estados Unidos Ética Etnografia Filantropia Genocídio Haiti História Moderna e Contemporânea História da África História da antropologia História do século XIX História Hungria Identidade cultural Identidade étnica Identidade nacional Identidade social Igreja Universal do Reino de Deus Imprensa Índia Indígenas Intercâmbio de pesquisadores Israel Jornalismo Judaísmo Legislação (direito) Liberalismo Língua hebraica Literatura africana Literatura Livros Macau Mão-de-obra Memória cultural Migração humana Minorias étnicas Missionários Missões religiosas Moçambique Movimentos sociais Muçulmanos Mulheres Nação Nacionalismo Organização não governamental País Basco Parentesco Pentecostalismo Pobreza Políticas Públicas Portugal Pós-colonialismo Povos indígenas Povos, tribos e culturas Prisões Publicações de divulgação científica Rádio (meio de comunicação) Refugiados Segregação racial Sindicatos Sionismo Socialismo Sociedade colonial Sociologia educacional Teoria Antropológica Terceiro setor Terremotos Territorialidade Trabalho informal Transnacionalismo Vendedores ambulantes
Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: