Busca avançada
Ano de início
Entree


O desassossego e o pensamento poético-filosófico de Fernando Pessoa

Texto completo
Autor(es):
Gisele Batista Candido
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH/SBD)
Data de defesa:
Membros da banca:
Marcio Suzuki; Fernando Augusto Magalhaes Paixao; Cristiano Perius; Cláudio Oliveira da Silva; Franklin Leopoldo e Silva
Orientador: Marcio Suzuki; Paola Poma
Resumo

Ainda que frequentemente os escritos de Fernando Pessoa sejam relacionados e cotejados à obra de diversos autores da filosofia, escassos são os trabalhos que buscam revelar seu teor filosófico próprio. Tendo isso em vista, pretendemos explorar os escritos de Fernando Pessoa com o propósito de investigar sua afinidade com a filosofia, a partir de suas próprias experiências. Assim, embora a obra do poeta português seja caracterizada em sua forma e substância por uma pluralidade de sentidos capaz de gerar múltiplas interpretações, nossa hipótese interpretativa é a de que o desassossego é o elemento que não apenas está no cerne das principais experiências de seus escritos, como também justifica o caráter filosófico de seu pensamento poético, na medida em que a abertura de horizonte própria do desassossego envolve um questionamento radical acerca da relação entre existência e consciência. (AU)

Processo FAPESP: 10/15001-4 - O desassossego e o pensamento poético-filosófico de Fernando Pessoa
Beneficiário:Gisele Batista Candido
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado