Busca avançada
Ano de início
Entree


Efeitos das lagoas de tratamento de esgoto sobre seu entorno: casos no Pontal do Paranapanema

Texto completo
Autor(es):
Lais Jerônimo de Santi
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Presidente Prudente. 2015-12-10.
Instituição: Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Ciências e Tecnologia. Presidente Prudente
Data de defesa:
Orientador: José Tadeu Garcia Tommaselli
Resumo

Os municípios de Teodoro Sampaio, Marabá Paulista e Regente Feijó, além de serem municípios de pequeno porte, possuem a característica em comum de tratarem seus esgotos através de lagoas de estabilização. O objetivo desta pesquisa é avaliar o reflexo do tratamento no corpo hídrico receptor e os efeitos em seu entorno, apresentando a caracterização física dos locais e a qualidade das águas. Para tal, foram realizados ensaios de permeabilidade e tamanho dos grãos nos solos antropogênicos, análise da carga orgânica afluente e efluente às lagoas e aplicação do IQA (índice de qualidade das águas) a montante, no ponto de lançamento e à jusante. Os resultados obtidos evidenciaram solos, no entorno das lagoas, arenosos e permeáveis e, qualidade das águas, classificadas de ruim a péssimas. Em relação ao potencial de autodepuração dos corpos hídricos ficou evidente que, após determinada distância, há recuperação do meio, visualizada e comprovada pelas análises químicas. O tratamento realizado pelas lagoas de estabilização é satisfatório, no entanto a eficiência do tratamento pode ser melhorada, através de verificação e correção de todas as variáveis operacionais, bem como revisão de projeto (AU)