Busca avançada
Ano de início
Entree

Crítica da cultura nos anos trinta: Lukács, Kracauer, Löwenthal

Processo: 03/13416-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 14 de janeiro de 2005
Vigência (Término): 13 de março de 2005
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Fundamentos e Crítica das Artes
Pesquisador responsável:Carlos Eduardo Jordão Machado
Beneficiário:Carlos Eduardo Jordão Machado
Anfitrião: Michael Lowy
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Local de pesquisa: École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS), França  
Assunto(s):Teoria crítica   Cultura (sociologia)   Marxismo

Resumo

Trata-se de investigar, por meio de materiais inéditos extraídos dos arquivos alemães e franceses, a rica produção intelectual de Georg Lukács, Siegfried Kracauer e Leo Löwenthal durante os difíceis anos trinta. O primeiro referente à retomada de sua teoria do romance em seu exílio moscovita; a análise original de Kracauer sobre a Paris da Segunda metade do séc. XIX, seu livro Jaques Offenbach e a Paris de sua época e sua proximidade com a obra das Passagens de Walter Benjamin; o papel de Leo Löwenthal, sua sociologia da literatura e sua original análise do nazi-fascismo, no início do Instituto de Pesquisa Social de Frankfurt. Em suma, a relevância da análise que estes autores desenvolveram sobre o Segundo Império como proto-fenômeno do nazi-fascismo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)