Busca avançada
Ano de início
Entree

A construção do espaço nos contos 'O Espelho' de Machado de Assis e João Guimarães Rosa

Processo: 05/01543-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2005
Vigência (Término): 31 de agosto de 2006
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literatura Brasileira
Pesquisador responsável:Ozíris Borges Filho
Beneficiário:Brígida Alves Leal Barbosa
Instituição-sede: Coordenadoria de Graduação. Centro Universitário Moura Lacerda. Instituição Moura Lacerda. Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Narrativa   Machado de Assis   Guimarães Rosa   Natureza   Ambiência   Cenário   Estudo comparativo

Resumo

O presente trabalho se propõe a fazer uma análise comparativa da construção do espaço do conto O Espelho de Machado de Assis e João Guimarães Rosa. O conto de Machado de Assis se estrutura sobre dois espaços: a casa, onde os cavalheiros debatiam questões de alta transcendência e o sítio onde Jacobina, um dos cavalheiros, fica sozinho e precisa vestir a farda de alferes para que sua imagem se reflita nitidamente sobre o espelho e ele possa, assim, se reencontrar. O conto de Guimarães Rosa se estrutura sobre o espaço de um lavatório de um edifício público, onde o narrador-personagem busca sua fisionomia mais pura, que revela a imagem de sua essência. Nesses espaços, estudaremos em que medida eles homologam a ação da personagem e a temática que permeia os contos. Para tal análise, utilizaremos alguns teóricos que estudaram a categoria do espaço na literatura, tais como: Iuri Lotman, Gaston Bachelard, Raúl Castagnino entre outros.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)