Busca avançada
Ano de início
Entree

Alteracoes na permeabilidade da membrana plasmatica otimizam a transferencia genica mediada por espermatozoide na especie murina?

Processo: 08/57341-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Mayra Elena Ortiz D' Avila Assumpcao
Beneficiário:Fernanda Sevciuc Maria
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Camundongos   Reação em cadeia da polimerase via transcriptase reversa quantitativa (qRT-PCR)   Transgenia   Citometria de fluxo   Espermatozoides

Resumo

Este estudo tem como objetivo verificar a eficiência da transferência gênica mediada por espermatozoide na espécie murina, a partir de variações nas temperaturas de incubação da célula com o vetor recombinante pCX-EGF e o efeito da utilização do dimetilsulfóxido (DMSO) durante a incubação. O DMSO é muito utilizado na transgenia animal e parece alterar a permeabilização da membrana dos espermatozoides, podendo auxiliar na transferência gênica mediada por espermatozoides, por facilitar a entrada do DNA exógeno. A permeabilidade das células espermáticas ao DNA plasmidial pode aumentar de 28% para 81% com o uso do DMSO (SHEN et al. 2006). Para isso, os espermatozoides obtidos de epidídimo serão incubados a 4 e a 37 °C acrescidos ou não de DMSO. Com isso, este delineamento experimental possibilitará a avaliação do choque térmico na incorporação do vetor plasmidial ao espermatozoide murino podendo-se estipular um método eficiente de transgenia com o uso de espermatozoides como vetores; e também o efeito do DMSO como facilitador da transgenese. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)