Busca avançada
Ano de início
Entree

O transporte rodoviario e sua influencia nos paradigmas de desenvolvimento territorial: uma analise a respeito do municipio de ourinhos/sp.

Processo: 06/06409-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2007
Vigência (Término): 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Márcio Rogério Silveira
Beneficiário:Vitor Hélio Pereira de Souza
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ourinhos. Ourinhos , SP, Brasil
Assunto(s):Transporte rodoviário

Resumo

A partir de 1926, com o governo Washington Luiz, cujo lema era “governar é abrir estradas”, o Brasil passou a ter gradativamente como principal via e meio de transportes as rodovias-automobilísticas. Assim, cada vez mais, as estradas ganharam importância no país. Concomitantemente, a partir da década de 1970, houve a expansão de algumas unidades produtivas da capital de São Paulo para as cidades de porte médio do interior do Estado de São Paulo, devido à gama de problemas que assolou a capital como: violência, dificuldade logística, especulação imobiliária, etc. Contribuiu também para tal fato o II PND (Plano Nacional de Desenvolvimento), cujo objetivo era fortalecer as metrópoles e criar pólos regionais induzindo a interrupção de fluxos migratórios para a metrópole e o aumento da população e do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) das cidades do interior. Nesse contexto é que surgem as diversas “cidades médias” do interior paulista. Inicia-se, então, o crescimento de municípios que se encontram nas proximidades da rodovia Raposo Tavares (SP-270), formando alguns elos de desenvolvimento. Isto é, uma rede de cidades com uma vida econômica e de relações (interações espaciais) considerável. Esse percurso faz o sentido leste-oeste (Sorocaba-Presidente Prudente), interceptando o município de Ourinhos que é considerado um entroncamento (rodoviário e ferroviário) entre diversas cidades pólos, ou seja, Ourinhos é um importante nó da rede de transportes do estado de São Paulo. Ourinhos exerce influencia sob os municípios do Médio Paranapanema e de alguns municípios do Norte Velho paranaense. Todavia, em relação à região metropolitana e outras cidades médias de peso, apresenta uma vida econômica modesta. Focamos, com esse trabalho, compreender a função econômica do município e visualizar alternativas para a sua dinâmica econômica, ou seja, sua “vocação econômica”. Tal fato remete para os Arranjos Produtivos Locais (APLs) e integração de Ourinhos num possível “eixo de desenvolvimento”. Para tanto, utilizaremos como referencial de discussão os eixo de desenvolvimento e o conceito de APLs, a ambos enquanto possibilitador do crescimento e do desenvolvimento local. Assim, este trabalho torna-se de grande importância, na medida em que, tem como pretensão agregar ao município de Ourinhos/SP considerável polarização, ou seja, influência regional que extrapola os limites territoriais do Estado de São Paulo em direção ao norte do Estado do Paraná.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)