Busca avançada
Ano de início
Entree

A utilização do método dos elementos finitos na análise comportamental da laje treliçada na fase construtiva e nas verificações das condições de dimensionamento segundo as normas NBR 6118/2003 e NBR 9062/2001

Processo: 05/53810-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2005
Vigência (Término): 30 de junho de 2006
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Estruturas
Pesquisador responsável:Antonio Wanderley Terni
Beneficiário:Arthur Ribeiro Melão
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Assunto(s):Lajes   Estruturas pré-fabricadas   Estabilidade estrutural   Método dos elementos finitos   Dimensionamento de estruturas

Resumo

Propõe-se aplicar o Método de Elementos Finitos (MEF) na análise comportamental de lajes formadas pelo sistema de armações treliçadas eletrossoldadas na fase construtiva e nas considerações quanto ao dimensionamento das armaduras destas lajes, seguindo as considerações das normas NBR 6118, NBR 9062 e NBR 14859-1. A perda de estabilidade na fase de montagem, fundamentalmente gerada pela ruptura da solda ao cisalhamento entre os sinusóides e o banzo superior das armações ou pela flambagem do banzo superior, gerou pesquisas e apresentações de artigos em congressos, como, por exemplo, EL DEBS (2000) da USP/SC e de HORWATH (2002) da UNESP. A vigota treliçada é uma estrutura tridimensional formada de dois materiais diferentes, o concreto da sapata e o aço da armação. Nestes trabalhos, após a execução de ensaios que forneceram a carga crítica experimental, conforme EL DEBS, foram comparados com resultados de um modelo bidimensional. Em nosso trabalho, será aplicado o MEF para dar um tratamento tridimensional ao modelo da estrutura e a introdução de considerações mais realistas das vinculações dos nós para dar mais consistência ao modelo de análise. Ainda, irá se aplicar o MEF na análise de um modelo de dimensionamento da laje treliçada uma vez que, atualmente, se faz com as considerações da NBR 6118 utilizando o modelo de viga "T", ou seja, possivelmente desprezando a influência favorável da resistência gerada pelo sinusóide o que pode gerar, após esta pesquisa, uma economia na... (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)