Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo por teloscopia da prevalência de afecções de teto e cisterna da glândula mamária provenientes de vacas leiteiras

Processo: 07/55052-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2007
Vigência (Término): 30 de junho de 2008
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Luis Cláudio Lopes Correia da Silva
Beneficiário:Vanessa Correa
Instituição-sede: Centro Universitário Moura Lacerda. Instituição Moura Lacerda. Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Mastite bovina   Glândulas mamárias animais

Resumo

O Brasil possui cerca de 20 milhões de vacas em ordenha, com produção de 21 bilhões de litros de leite por ano. Acompanhada da demanda por aumento de produção e produtividade, as afecções da glândula mamária têm destaque neste cenário. Os maiores problemas associados com as lesões de teto e estenose são o comprometimento do fluxo de leite, anormalidades no leite, presença de patógenos, e grande risco de mastite nos quartos acometidos. Informações obtidas da literatura internacional reportam que as afecções de teto apresentam incidência média de 2% a 3%, podendo variar de 0 a 20% entre rebanhos. A endoscopia do teto, denominada telescopia, tem sido indicada para avaliação das estruturas internas, no diagnóstico das afecções e tratamento cirúrgico das cisternas do teto e da glândula mamária, procedimento raramente empregado em nosso país. O objetivo deste trabalho é descrever a prevalência de afecções de teto e cisterna da glândula mamária em vacas leiteiras utilizando a telescopia. Para tal serão utilizadas 100 glândulas mamárias (400 tetos) provenientes de vacas leiteiras enviadas para abate. As glândulas serão previamente examinadas através de inspeção e palpação para então proceder ao exame telescópico tanto por via canal do teto quanto por acesso lateral, permitindo exame interno detalhado, assim como a avaliação dos pontos de acesso para instrumental cirúrgico. Esse estudo oferecerá a base para estudos futuros em propriedades rurais envolvendo tratamento das afecções. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)