Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise comparativa da embriogênese de Pseudoplatystoma fasciatum (Linnaeus, 1766) com a do híbrido proveniente do cruzamento da fêmea da espécie com o macho de Pseudoplatystoma corruscans (Agassiz, 1829).

Processo: 10/07946-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Alexandre Ninhaus Silveira
Beneficiário:Matheus Pereira dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Assunto(s):Siluriformes   Peixes   Embriogênese animal   Cruzamento animal

Resumo

Os Siluriformes compreendem um grupo de grande importância no setor aquícola nacional, com cerca de 34 famílias, 412 gêneros e mais de 2405 espécies. O gênero Pseudoplatystoma compreende as espécies Pseudoplatystoma fasciatum (Cachara), Pseudoplatystoma corruscans (Pintado) e Pseudoplatystoma tigrinus (Camapari ou Pirambucu), com ampla distribuição pelos rios da América do Sul, sendo conhecidos pelo mercado pelas suas características de grande interesse zootécnico, apresentando-se viáveis para a produção em pisciculturas. O período reprodutivo é curto apresentando desova total ou única e não proteção à prole. Estas características morfológicas apresentadas principalmente pela Cachara (Pseudoplatystoma fasciatum) servem de base para a criação de híbridos dentro deste gênero, em especial com espécies de pintado (Pseudoplatystoma corruscans). Porém, pouco se conhece sobre o desenvolvimento embrionário destes cruzamentos híbridos, bem como as particularidades de suas etapas. Existem poucos estudos a cerca do detalhamento das fases iniciais de desenvolvimento do híbrido de Cachara e Pintado. O conhecimento deste segmento da biologia se faz muito importante, para que se controlem as populações de híbridos, evitando o seu domínio sobre os ambientes naturais aquáticos. Pretende-se, assim, estudar o desenvolvimento embrionário do hibrido proveniente do cruzamento das espécies de Surubins, Cachara e Pintado, bem como analisar fases iniciais do desenvolvimento embrionário da espécie Cachara (Pseudoplatystoma fasciatum), possibilitando um comparativo com o cruzamento híbrido. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)