Busca avançada
Ano de início
Entree

Universidades públicas no Brasil e Argentina: um estudo comparado das políticas educacionais recentes a partir da ótica de seu corpo docente

Processo: 08/57123-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Políticas Públicas
Pesquisador responsável:Elizabeth Balbachevsky
Beneficiário:Gabriela Borges Do Couto Rosa
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Política educacional   Governança   Ensino superior   Instituições de ensino superior   Universidade pública   Brasil   Argentina   Estudo comparativo

Resumo

Esta pesquisa dá continuidade à participação voluntária da bolsista na equipe de pesquisa que implementou o projeto "Evolução recente da profissão acadêmica no Brasil: uma análise comparada" (Projeto FAPESP 2006/03329-0). A bolsa de iniciação criará oportunidade para que a estudante aprofunde suas competências na análise de dados quantitativos, além de propiciar uma reflexão sobre a realidade do ensino superior na América Latina. Este projeto tem como objetivo uma análise comparada do impacto das políticas educacionais recentes no perfil do corpo acadêmico das universidades públicas no Brasil e na Argentina. Em outras palavras, a pesquisa visa analisar comparativamente as modificações que se deram nas tensões de poder internas e externas às universidades com as reformas universitárias e políticas governamentais recentes, seguido de um estudo dos possíveis impactos nas transformações da vida acadêmica. O trabalho terá como campo de observação empírica as universidades públicas da Argentina e do Brasil e a questão central que pretende responder é: as reformas recentes do ensino superior têm se refletido nas atitudes, valores e perfis dos professores das instituições públicas? Em que medida as condições de trabalho, resultantes dessas políticas educacionais, se articulam com a dedicação e importância que o professor atribui ao seu trabalho e local de trabalho? Outra questão relevante do estudo é: em que medida essas mudanças nas políticas educacionais se refletem na governança das universidades públicas dos dois países? (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)