Busca avançada
Ano de início
Entree

Plataforma web para acesso simplificado ao processamento e análise de imagens neurológicas de ressonância magnética voltada para o auxílio ao diagnóstico da doença de Alzheimer

Processo: 24/04549-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2024
Vigência (Término): 30 de setembro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Pesquisador responsável:Ricardo José Ferrari
Beneficiário:Guilherme de Souza Santiago
Instituição Sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:23/08307-0 - Predição da conversão de comprometimento cognitivo leve em doença de Alzheimer usando engenharia de atributos e aprendizado profundo em imagens de ressonância magnética estrutural, AP.R
Assunto(s):Doença de Alzheimer   Inteligência artificial   Ressonância magnética
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Doença de Alzheimer | Inteligência Artificial | Plataforma de processamento baseada na web | Processamento Digital de Imagens Médicas | Ressonância Magnética | Desenvolvimento de aplicação web

Resumo

Sistemas de diagnóstico assistido por computador (Computer-Aided Diagnosis - CAD systems) utilizam técnicas de Processamento Digital de Imagens e Inteligência Artificial, com o objetivo de melhorar a acurácia dos exames médicos. Em grande medida, os sistemas CAD desenvolvidos no ambiente acadêmico consistem em software com fins experimentais, isto é, os parâmetros de qualidade enfatizam a eficiência dos algoritmos desenvolvidos em detrimento da usabilidade para o usuário final. Neste sentido podemos destacar i) sistemas operam em modo de linha de comando, paradigma pouco familiar a usuários da área médica de modo geral e ii) sistemas que para serem instalados requerem intricadas redes de dependências de software, as quais, em geral, demandam conhecimentos de sistemas operacionais e bibliotecas de software, também pouco familiares para profissionais de saúde. Apesar do enorme potencial dos sistemas CAD, a combinação dos fatores descritos acima dificulta a extensão dessas tecnologias para os efetivos usuários finais na comunidade médica. Portanto, o objetivo geral deste projeto é facilitar o acesso aos profissionais e instituições de saúde (radiologistas, clínicas, unidades, hospitais etc.) aos algoritmos, métodos e sistemas que serão desenvolvidos durante o projeto FAPESP de predição da conversão de casos de comprometimento cognitivo leve (CCL) para a doença de Alzheimer (DA). Para isso propõe-se o desenvolvimento de uma arquitetura baseada em componentes de software para encapsular e publicar diferentes métodos e sistemas como microsserviços Web. A arquitetura será concebida como uma plataforma de computação em nuvem, permitindo o acesso via Web aos componentes desenvolvidos, por meio de uma infraestrutura computacional mantida pelo grupo de pesquisa. Além disso, a plataforma deverá prover um conjunto de interfaces para permitir aos profissionais de saúde acessarem os diferentes métodos e sistemas desenvolvidos remotamente via navegadores Web e/ou dispositivos móveis.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)