Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da Dinâmica de Modulação da Microbiota Intestinal Humana in vitro a partir de Oligossacarídeos Prebióticos obtidos de Resíduos Lignocelulósicos

Processo: 23/17900-6
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 29 de março de 2024
Vigência (Término): 28 de setembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Pesquisador responsável:Rosana Goldbeck Coelho
Beneficiário:Marcos Fellipe da Silva
Supervisor: Clarisse Salome Nobre Goncalves
Instituição Sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade do Minho (UMinho), Portugal  
Vinculado à bolsa:21/09527-8 - Bioprocesso integrado de obtenção de celo-oligossacarídeos e nanocristais de celulose por meio da hidrólise enzimática assistida de ultrassom a partir de resíduos agroindustriais, BP.DR
Assunto(s):Hidrólise enzimática
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:disgestão | fermentação colônica | Hidrólise enzimática | microbiota humana | oligossacarídeos prebióticos | resíduos lignocelulósicos | Bioprocessos Industriais Aplicados

Resumo

Os resíduos agroindustriais lignocelulósicos são considerados materiais de baixo valor agregado, muitas vezes descartados pelas indústrias, entretanto possuem um elevado potencial de aplicação na produção de xilo-oligossacarídeos (XOS) e os celo-oligossacarídeos (COS). Esses oligossacarídeos são conhecidos como potenciais prebióticos, estimulando seletivamente o crescimento e a atividade de bactérias intestinais benéficas, como as dos gêneros Lactobacillus spp. e Bifidobacterium spp., melhorando a saúde do hospedeiro. Atualmente, pesquisas recentes ainda vêm estudando o efeito prebiótico de XOS e COS, a partir de cepas probióticas de Lactobacillus spp. e Bifidobacteria spp. isoladas. Até o momento, não foram encontrados trabalhos na literatura que estudaram a modulação completa e integrada da microbiota intestinal, especialmente a humana, a partir da suplementação desses oligossacarídeos. Assim, o objetivo e o diferencial deste estudo é avaliar o efeito dos xilo-oligossacarídeos e celo-oligossacarídeos, obtidos a partir da hidrólise enzimática de resíduos agroindustriais lignocelulósicos, na dinâmica de modulação da microbiota intestinal humana in vitro. Assim, esses estudos seriam de grande valia e importância para área de desenvolvimento de ingredientes funcionais. Os XOS e COS serão obtidos a partir da hidrólise enzimática sequencial de resíduos lignocelulósico, ao qual serão submetidos ao protocolo de digestão in vitro simulada seguida da fermentação colônica humana in vitro, sendo posteriormente caracterizada a população microbiana a partir da extração de DNA e da Reação em Cadeia da Polimerase Quantitativa em Tempo Real, além dos carboidratos e metabólitos produzidos. Dessa forma, o presente trabalho contribuirá no desenvolvimento de ingredientes funcionais prebióticos a partir de resíduos da indústria, que possam ser aplicados em formulações alimentícias que promovam mais saudabilidade aos consumidores, avaliando como esses oligossacarídeos atuam no sistema digestivo e na microbiota humana, além de buscar estudar os metabólitos gerados que têm um importante papel fisiológico no organismo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)