Busca avançada
Ano de início
Entree

Tiamulina na piscicultura: incorporação na ração; métodos analíticos e perfil de eliminação residual no filé tilápia

Processo: 23/09767-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2023
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Pesquisador responsável:Jonas Augusto Rizzato Paschoal
Beneficiário:Paula Zanin de Sousa
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/08152-0 - Desafio do uso de medicamentos na piscicultura no contexto One Health: avaliação da eficácia, segurança e análise de risco, AP.TEM
Assunto(s):Piscicultura   Segurança alimentar
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Análise toxicológica | Desenvolvimento analítico | Incorporação de medicamentos - Farmacotécnica | Piscicultura | segurança alimentar | Ciências farmacêuticas - Segurança alimentar

Resumo

Estima-se que nas próximas três décadas a população mundial alcance a marca de 9,7 bilhões de pessoas. Esse número expressivo traz consigo uma série de questionamentos sobre o bem-estar da população, entre eles a segurança alimentar e preservação do meio, os quais necessitamos de respostas imediatas. Um dos principais temas relacionados à segurança alimentar da população é o crescimento saudável e ecológico para a criação de espécies para alimentação humana. Neste contexto, a piscicultura vem desempenhando papel fundamental no combate à fome, devido a sua dieta rica em nutrientes. O Brasil por sua vez, devido à grande extensão territorial e riquezas hídricas, benéficos a sua fauna nativa, possui papel central neste novo tema. Sistemas de produção intensivos adotados na aquicultura representam um cenário de condições de maior vulnerabilidade quanto à disseminação de doenças infecciosas entre os animais, em caso de ocorrência de patógenos de origem microbiana, afetando diretamente a sanidade dos peixes e a segurança do alimento para os consumidores. Diferentemente do que acontece para outras sistemas de produção animal (bovinos, suínos, aves), a aquicultura ainda carece da disponibilidade de alternativas de medicamentos veterinários autorizados e devidamente regulamentados para o tratamento de doenças infecciosas em espécies aquícolas de produção (não ornamental). Atualmente, o Brasil dispõe de apenas dois produtos de ação antimicrobiana regulamentados para espécies exploradas na aquicultura, compondo um cenário que contribui para o uso contínuo de poucas alternativas antimicrobianas, favorecendo o desenvolvimento de resistência antimicrobiana, com claros impactos na saúde animal, humana e ambiental. Logo, estudos voltados à novas alternativas medicamentosas para a aquicultura são muito importantes para a atividade. Assim, o presente projeto visa avaliar o perfil de depleção residual de um antimicrobiano com potencial emprego na criação de tilápias, a tiamulina, um antibiótico pertencente à família dos diterpênicos pleuromutilina, utilizado para potencializar a atividade microbiana contra bactérias gram-positivas e gram-negativas. Para tanto, serão estudados procedimentos de incorporação do fármaco na ração para a administração oral aos peixes que permitam um adequado planejamento do tratamento e menor risco de contaminação do ambiente aquático. Ademais, serão desenvolvidos métodos cromatográficos associados à espectrometria de massas com altas seletividade, sensibilidade e detectabilidade, com precisão e exatidão adequadas, a ser empregado na análise da ração medicamentosa e de amostras de filé (músculo e pele em proporções naturais) dos peixes provenientes de um experimento clínico com tilápias. Estas receberão a ração medicamentosa visando a estimativa de um período de carência mínimo a ser recomendado para garantir as condições de manutenção da segurança do alimento ao consumidor.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)