Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação genômica ampla para tolerância ao estresse por calor em batata

Processo: 23/11005-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 15 de julho de 2025
Vigência (Término): 14 de julho de 2026
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Fernando Angelo Piotto
Beneficiário:Fernando Angelo Piotto
Pesquisador Anfitrião: Marcio F R Resende Jr
Instituição Sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Florida, Gainesville (UF), Estados Unidos  
Assunto(s):Estresse abiótico   Fenotipagem   Técnicas de genotipagem   Estudo de associação genômica ampla   Solanum tuberosum   Melhoramento genético vegetal
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Estresse abiótico | Fenotipagem | Genotipagem | Gwas | Solanum tuberosum | Melhoramento vegetal

Resumo

No Brasil, raríssimos grupos de pesquisa que vem trabalhando com melhoramento de batata para o desenvolvimento de novas cultivares adaptadas ao cultivo em condições de clima tropical e subtropical. Porém, nenhum deles tem trabalhado com melhoramento de batatas diploides, associando estratégias que envolvam o melhoramento molecular desta espécie, integrado com o melhoramento clássico. Neste sentido, esta proposta é pioneira, uma vez que recentemente criamos o primeiro programa de melhoramento genético da batata da Universidade de São Paulo na Esalq/USP, sendo também o primeiro grupo no Brasil a inovar com a linha de pesquisa em diploidização e melhoramento de batatas diploides, com foco na obtenção de linhagens para a tolerância ao estresse por calor. Neste sentido, o objetivo desse trabalho é estudar a arquitetura genética de um painel tropical de batatas, visando identificar regiões genômicas associadas à tolerância a temperaturas elevadas e regiões associadas a outras características de importância para a cultura, a fim de utilizar informações em nível de marcadores moleculares, para selecionar genótipos a serem utilizados como genitores para obtenção de linhagens diploides tolerantes ao calor. Esta proposta está alinhada com uma etapa do projeto FAPESP 2022/03224-6 que envolve estudos de associação genômica ampla (GWAS), para selecionar um grupo de clones promissores para a próxima etapa do projeto de pesquisa, a qual envolve a diploidização dos melhores clones tetraploides para obtenção de linhagens diploides. Para tanto, um painel de 384 acessos de batata será genotipado (Flex-Seq® Ex-L Genotyping) e fenotipado para a tolerância ao calor e outros caracteres, para estudos de GWAS, visando identificar locos e mapear genes candidatos. Os clones do painel são oriundos dos principais programas de melhoramento de batata do Brasil, sendo parte deles selecionados em trabalhos de nosso próprio grupo de pesquisa, os quais possuem características importantes, tais como tolerância ao calor e resistência a doenças típicas de clima quente. Este trabalho de análise de dados genotípicos e fenotípicos de nosso painel de acessos, será realizado na University of Florida, em Gainesville, Florida, com a colaboração/supervisão do Prof. Dr. Marcio Resende, cujo grupo de pesquisa possui objetivos alinhados com os objetivos de nosso programa de melhoramento da batata na Esalq/USP, Brasil. É importante ressaltar que o Prof. Dr. Marcio Resende possui muito experiência em análises genômicas, o que será essencial para meu treinamento neste tipo de análise no exterior e obtenção de êxito na conclusão desta proposta.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)