Busca avançada
Ano de início
Entree

Interações celulares de Vitis labrusca: Neophysopella tropicalis associadas a estresses abióticos

Processo: 23/12802-6
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2024
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Lilian Amorim
Beneficiário:Lucas Santos Sales
Supervisor: Ulrich Schaffrath
Instituição Sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa: RWTH Aachen University, Alemanha  
Vinculado à bolsa:23/02885-1 - Efeito de estresses abióticos no progresso da ferrugem (Neophysopella tropicalis) em videira, BP.MS
Assunto(s):Fitopatologia   Phakopsora euvitis   Vitis labrusca   Videiras   Ferrugem (doença de planta)
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Grapevine leaf rust | Histhopathology | Phakopsora euvitis | Fitopatologia

Resumo

O projeto do BEPE visa complementar, com a microscopia confocal, os experimentos que estão sendo realizados com a ferrugem da videira (Neophysopella tropicalis) em videira 'Niagara Rosada' sob estresses abióticos. Plantas de 'Niagara Rosada' com déficit hídrico e estresse térmico serão inoculadas com uma suspensão de N. tropicalis, ajustada para a concentração de 105 urediniósporos mL-1. Amostras foliares, coletadas aos 1, 2, 9, 15 e 20 dias após a inoculação, serão fixadas em ácido tricloroacético 0,15% em etanol/clorofórmio 4:1. As amostras serão enviadas para RWTH Aachen University, onde os protocolo de coloração WGA-AF488 e iodeto de propídio serão aplicados e a microscopia confocal a laser realizada. A técnica irá permitir a visualização do patógeno nos tecidos do hospedeiro e a reconstrução de imagens 3D. Essas avaliações serão úteis para entender melhor o efeito conjunto de estresses bióticos e abióticos na interação hospedeiro-patógeno. O BEPE será realizado na RWTH Aachen, Alemanha, com a supervisão do professor Dr. Ulrich Schaffrath, especialista em estudos histológicos e moleculares de plantas não hospedeiras submetidas a infecções por patógenos, com amplo repertório no estudo de ferrugens, pelo período de 2 meses. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)