Busca avançada
Ano de início
Entree

Amadoras: a transgressão dos papeis sociais de gênero na dramaturgia feminina da Belle Époque Tropical (XIX - XX)

Processo: 23/04645-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 10 de janeiro de 2024
Vigência (Término): 09 de novembro de 2024
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Teatro
Pesquisador responsável:Larissa de Oliveira Neves Catalão
Beneficiário:Sofia Fransolin Pires de Almeida
Supervisor: Romain Piana
Instituição Sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Université Sorbonne Nouvelle - Paris 3, França  
Vinculado à bolsa:21/09296-6 - Amadoras: a transgressão dos papeis sociais de gênero na dramaturgia feminina da Belle Époque Tropical (XIX-XX), BP.DR
Assunto(s):Belle Époque   Teatro brasileiro   Dramaturgia
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Belle Époque | dramaturgia feminina | Teatro brasileiro | Dramaturgia

Resumo

O presente projeto de estágio no exterior (BEPE) tem por objetivo central o aprofundamento dos estudos acerca da influência da cultura francesa no, dito, teatro "oficial" brasileiro produzido durante a Belle Époque Tropical (XIX-XX). A partir da análise da vida e obra de dramaturgas que atuaram profissionalmente neste período a pesquisa questiona, justamente, o lugar da mulher branca dentro da sociedade burguesa fin-de-sciècle. Neste sentido o termo "amadoras" surge como uma provocação as funções e papéis sociais relegados às figuras femininas na época. Ambas autoras presentes no escopo deste doutorado extrapolaram o ambiente doméstico, ocupando o espaço público e trazendo para a arena do teatro discussões pungentes acerca da vivência feminina dentro de uma sociedade patriarcal e violenta para com as mulheres. O estágio de pesquisa a ser realizado no Instituto de Pesquisas em Estudos Teatrais (IRET), na Sorbonne Nouvelle, Paris 3, aprofundará os estudos acerca da produção dramatúrgica de matriz francesa na virada de século, compreendendo a forte influência cultural que este país exercia sob o teatro brasileiro. O estágio também visa aprofundar as pesquisas sobre o Grand Guignol, gênero teatral nascido na capital francesa nas últimas décadas do século XIX, e ainda pouco estudado no Brasil, mas que foi inspiração para algumas das obras de Guilhermina Rocha. Por último, este estágio também se fará importante visto que ambas autoras brasileiras passaram períodos de suas vidas em Paris. Logo, a pesquisa em acervos da imprensa francesa da época visa descobrir se houve um intercâmbio profissional entre as artistas brasileiras e a cena teatral parisiense. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)