Busca avançada
Ano de início
Entree

Solução irrigadora à base de probiótico: avaliação microscópica e molecular da expressão de armadilhas extracelulares de neutrófilos, em dentes com lesões periapicais induzidas em ratos

Processo: 22/16612-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2023
Vigência (Término): 31 de agosto de 2024
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontopediatria
Pesquisador responsável:Léa Assed Bezerra da Silva
Beneficiário:Ana Paula Gomes e Moura
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Armadilhas extracelulares   Infecção endodôntica   Lesões periapicais   Probióticos
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:armadilhas extracelulares de neutrófilos | Infecção endodôntica | Lesão Periapical | probioticos | Odontopediatria

Resumo

As armadilhas extracelulares de neutrófilos (NETs) são uma das formas de atuação dos neutrófilos na resposta imune inflamatória do hospedeiro e podem levar à exacerbação do dano tecidual. Paralelamente, estudos anteriores demonstraram oefeito positivo de probióticos em infecções pulpares. Contudo, o efeito de probióticos sobre as NETs ainda é desconhecido. Assim, o objetivo desse estudo será a avaliação microscópica e molecular do efeito do probiótico Bifidobacterium animalis subsp. lactis (B. lacti) HN019 utilizado como solução irrigadora de canais radiculares na expressão das NETs após a indução de lesões periapicais em ratos. Após abertura coronária eexposição do tecido pulpar ao meio bucal, os animais serão divididos em quatro grupose dois subgrupos de acordo com a solução irrigadora, conforme segue: Grupo I (9 animais): sem tratamento; Grupo II: Hipoclorito de Sódio 2,5% (18 animais) IIa uma irrigação (9 animais), IIb duas irrigações (9 animais); Grupo III: PBS+Carboxi 2% (18 animais) IIIa uma irrigação (9 animais ), IIIb duas irrigações (9 animais)e; Grupo IV: Probiótico (18 animais) IVa uma irrigação (9 animais), IVb duas irrigações (9 animais). O probiótico Bifidobacterium animalis subsp. lactis (B. lacti) HN019 será utilizado como solução irrigadora por meio da adição de 2,7x 10 9 UFC em meio aquoso a 2% de carboximetilcelulose, com volume de 600µL concomitante à aspiração copiosa, e adicionando um volume de 5µL que será mantido no canal. Após a eutanásia de 21 dias, as hemi-maxilas e hemi-mandíbulas direitas serão processadas para análises microscópicas e moleculares. As lâminas serão coradas em hematoxilina e eosina (HE) e analisadas em microscopia óptica para contagem de neutrófilos,histomorfometria da área das lesões periapicais e imunofluorescência indireta para marcação das enzimas ELANE (elastase), histona H3, mieloperoxidase (MPO) e CRAMP (homólogo do LL 37). As hemi-maxilas direitas serão processadas para arealização da reação em cadeia da polimerase em tempo real (RT PCR) para avaliação da expressão do mRNA de elastase, histona H3 , MPO e CRAMP. Osresultados obtidos serão submetidos à análise estatística por meio de testes apropriados de acordo com a natureza dos dados. Para todas as análises será adotado o nível de significância de 5%.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)