Busca avançada
Ano de início
Entree

Mapeamento detalhado de indicadores chaves para avaliar a qualidade do solo desde 0 até 100 cm de profundidade em todo o território brasileiro

Processo: 23/11350-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de setembro de 2023
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2027
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:José Alexandre Melo Demattê
Beneficiário:Bruno dos Anjos Bartsch
Instituição Sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/05129-8 - Qualidade dos solos do Brasil via geotecnologias: mapeamento, interpretação e aplicações agrícolas/ambientais: um legado para a sociedade, AP.TEM
Assunto(s):Sensoriamento remoto   Solos   Geotecnologias   Carbono no solo   Qualidade do solo   Mapeamento digital   Aprendizado computacional
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Aprendizado de Máquina | carbono no solo | geotecnologias | Mapeamento digital | qualidade do solo | Sensoriamento Remoto | Sensoriamento Remoto Aplicado a Solos

Resumo

A qualidade dos solos se refere à capacidade do solo de desempenhar serviços essenciais para o homem através do meio ambiente, e essa capacidade integra múltiplos indicadores químicos, físicos e biológicos do solo. Muitas vezes não é fácil determinar esses indicadores em grandes extensões de terra, isso dificulta a construção de mapas de qualidade do solo em grandes áreas. No entanto, uma das formas de se obter esses indicadores, é com uso de funções de pedotransferência, fazendo uso de atributos do solo de fácil aquisição como teor de argila, teor de carbono orgânico e teor de óxidos totais. Novas metodologias baseadas no uso de sensoriamento remoto e algoritmos de aprendizado de máquinas estão auxiliando na construção de mapas de atributos do solo com incertezas minimizadas e com elevado nível de detalhamento.Portanto, o objetivo desse projeto será realizar mapeamento digital detalhado de indicadores chaves para avaliar a qualidade do solo entre 0 e 100 cm de profundidade para todo o Brasil, usando dados adquiridos via sensoriamento remoto e campo, modelados por algoritmos de aprendizado de máquinas. Dessa forma, a proposta dessa bolsa de pós-doutorado é composta por quatro etapas que visam atender esse objetivo, sendo elas, etapa 1, onde os conjuntos de dadosserão organizados e filtrados para os posteriores processamentos, na etapa 2 os atributos do solo serão modelados a partir de imagens multiespectrais e atributos do terreno utilizando algoritmo de aprendizado de máquinas Random Forest , na etapa 3 e 4 os indicadores serão espacializados via função de pedotranferência e técnicas de geoestatistica. Ao fim deste projeto espera-se que os mapas dos indicadores chaves para avaliação da qualidade do solo sejam gerados em uma escala nacional, com níveis de incertezas minimizados e com resolução espacial de 30 m, em diferentes profundidades (0-100 cm). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)