Busca avançada
Ano de início
Entree

Treinamento técnico para projeto de gestão de casos baseada na prevenção de quedas em idosos caidores

Processo: 23/06290-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2023
Vigência (Término): 31 de outubro de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Medicina Preventiva
Pesquisador responsável:Juliana Hotta Ansai
Beneficiário:Luana Rafaela Porcatti
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/00181-1 - Efetividade de uma intervenção baseada em gestão de casos sobre fatores de risco neuropsicológicos de quedas e sua aderência e satisfação de idosos caidores da comunidade: um ensaio clínico randomizado, AP.R
Assunto(s):Acidentes por quedas   Cooperação e adesão ao tratamento   Gestão de riscos   Idosos   Testes neuropsicológicos   Saúde pública
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Acidentes por Quedas | Cooperação e Adesão ao Tratamento | Gestão de riscos | idoso | testes neuropsicológicos | Treinamento técnico | Saúde Coletiva

Resumo

O objetivo deste ensaio clínico randomizado é verificar os efeitos de uma intervenção baseada na gestão de casos sobre os fatores neuropsicológicos e sua aderência e satisfação em idosos caidores da comunidade. Para isso, idosos da comunidade, que tenham histórico de pelo menos duas quedas no último ano, serão recrutados e distribuídos em dois grupos paralelos (Grupo Intervenção e Grupo Controle) (n=60). O Grupo Intervenção será submetido a uma gestão de casos realizada de forma remota, que envolverá avaliação multidimensional, explicação dos fatores de risco de quedas identificados, realização de proposta de intervenção com base nos riscos identificados, elaboração de um plano de intervenção de quedas individualizado, acompanhamento e revisão do plano. O Grupo Controle não realizará qualquer intervenção. Todos voluntários serão avaliados inicialmente, após 16 semanas de intervenção e após 6 semanas de destreino (follow up) em relação a aspectos clínicos e sociodemográficos, medidas neuropsicológicas, aderência e satisfação à intervenção. Para que haja sucesso no andamento do projeto, é necessário um bolsista treinamento técnico a fim de trabalhar principalmente na intervenção.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)