Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da atividade de novos compostos 4-quinolonas contra formas hepáticas e sexuadas de Plasmodium spp.

Processo: 23/02543-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2023
Vigência (Término): 31 de março de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia
Pesquisador responsável:Anna Caroline Campos Aguiar
Beneficiário:Yasmin Annunciato
Supervisor: João Pedro Soares da Silva Pinto
Instituição Sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade Nova de Lisboa, Portugal  
Vinculado à bolsa:22/05873-1 - Avaliação da atividade de novos compostos 4-quinolonas contra formas sexuadas de Plasmodium spp., BP.MS
Assunto(s):Malária   Plasmodium   Parasitos   Ensaios de laboratório
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Antiplasmodial | malária | Plasmodium spp | Estudo do parasito causador da malária Plasmodium spp. em ensaios laboratoriais visando o descobrimento de novos compostos de ação antiplasmodial

Resumo

A malária tem posição de destaque entre as doenças tropicais, gerando um grave impacto mundial devido a sua alta mortalidade e morbidade, com consequências no âmbito do desenvolvimento socioeconômico de comunidades e na saúde e produtividade de populações habitantes de regiões endêmicas da doença. Atualmente, casos de resistência ao tratamento em combinação com derivados de artemisinina (ACTs)já foram registrados em 5 países da região do sudeste asiático. Além disso, na África já foram detectados parasitos com mutação no gene Kelch 13, que está diretamente relacionado a resistência a artemisinina. O surgimento de cepas multirresistentes é um cenário preocupante, no qual a busca de novos candidatos a antimaláricos de ação inovadora se faz fundamental para atingir os objetivos de controle e eliminação da doença. Além disso, o desenvolvimento de terapias efetivas de bloqueio da transmissão e profilaxia, a fim de alcançar o objetivo da erradicação da malária, é de grande importância. Neste sentido, a classe compostos 4-quinolonas (Sintetizadas pela Prof. Dra. Arlene Correa da Universidade Federal de São Carlos- UFSCar) foi recentemente avaliada e teve a sua atividade contra formas assexuadas de P. falciparum (3d7-sensível) previamente determinada e caracterizada (apresentando IC50 contra P. falciparum in vitro inferior à 1 µM). A ação dessa classe de compostos foi caracterizada por nosso grupo (Oliveira et al, 2021), tendo como alvo o complexo BC1 de P. falciparum, sendo este um importante alvo para a busca de bloqueadores de transmissão. A partir do desenvolvimento deste projeto (bolsa de mestrado FAPESP-2022/05873-1) foi possível demonstrar a atividade dos compostos em modelo ex vivo de P. vivax, onde o composto 182 apresentou uma redução de oocistos e esporozoítos em ~95%. e oocinetos em ~97%. Neste sentido, é de grande importância a continuade dos estudos com a avaliação do efeito dessa nova classe de compostos contra o estágio sexuado de P. berghei, utilizando um modelo de transmissão in vivo. Além disso, avaliar o efeito profilático destes compostos contra estágios assexuados hepáticos fornecerá informações valiosas sobre os compostos estudados. Para realização dessa parte do projeto a colaboração com o grupo da Universidade Nova de Lisboa será crucial e nos permitirá ter acesso a modelos ainda não disponíveis no Brasil. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)