Busca avançada
Ano de início
Entree

Canção de gesta, épica e romance de cavalaria: os gêneros poéticos elevados nas narrativas ibéricas da matéria troiana

Processo: 23/03431-4
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 04 de setembro de 2023
Vigência (Término): 03 de março de 2024
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Outras Literaturas Vernáculas
Pesquisador responsável:Adma Fadul Muhana
Beneficiário:Fabiana Nicoli Dias
Supervisor: Ricardo Pichel
Instituição Sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidad de Alcalá (UAH), Espanha  
Vinculado à bolsa:22/01997-8 - Canção de gesta, épica e romance de cavalaria: as significações e os usos dos gêneros poéticos elevados na Historia troyana de Pedro I de Castela, BP.MS
Assunto(s):Canção de gesta   Romance de cavalaria   Literatura medieval
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Canção de gesta | Épica | Historia troiana de Pedro I de Castela | Matéria troiana | Romance de cavalaria | Letras Medievais Ibéricas

Resumo

Este projeto está vinculado à pesquisa de mestrado relativa ao processo FAPESP 2022/01997-8, a partir da qual se propõe reconhecer o papel das significações e dos usos da épica, da canção de gesta e do roman na formação da Historia troiana de Pedro I de Castela. Essa narrativa cavaleiresca do século XIV emula seu modelo principal - uma versão perdida da Crónica troyana, de Afonso XI - por meio da adição do material complementário oriundo de certo exemplar desconhecido da General estoria, de Afonso X. Para a realização mais eficiente de tal estudo, solicita-se a aprovação do pedido de estágio na Espanha, sob a supervisão do Prof. Dr. Ricardo Pichel Gotérrez, da Universidade de Alcalá, com vistas à verificação mais acurada sobre as reformulações dos gêneros poéticos elevados da cultura grega, latina e vernacular no século XIV da Península Ibérica, principalmente no que concerne às práticas retórico-poéticas integrantes à veiculação e à composição dos exemplares sobre as histórias de Troia. Conforme investigado nos primeiros meses da pesquisa, a apropriação da matéria clássica, durante sobretudo os séculos XIII e XIV, parte da articulação entre a autoridade que lhes é atribuída, as interpretações alegóricas e a defesa da verdade histórica constitutiva dos eventos troianos, leituras verificadas na Historia troiana. Deve-se dar continuidade, em seguida, ao estudo dos tratados retórico-poéticos antigos e medievais que abordam os gêneros em questão, bem como ao contato com os exemplares da matéria troiana (e suas edições) presentes nas bibliotecas e nos acervos da Espanha, com o objetivo de se obter uma compreensão mais geral do lugar ocupado por tais obras na conjuntura peninsular trecentista. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)