Busca avançada
Ano de início
Entree

Imunometabolismo e SARS-CoV-2: o papel central da massa gorda e da aptidão física durante a pandemia de COVID-19

Processo: 21/11932-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2022
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Fábio Santos de Lira
Beneficiário:Bruna Spolador de Alencar Silva
Instituição Sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):23/09216-8 - Exercício ao longo da vida como marca-passo do metabolismo energético das células T e seu impacto na função imune adaptativa em diferentes fases da vida, BE.EP.PD
Assunto(s):Exercício   Imunidade   Inflamação   SARS-CoV-2   Tecido adiposo
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Exercício | Imunidade | Inflamação | Long-COVID | SARS-CoV-2 | Tecido adiposo | Inflamação e metabolismo

Resumo

Estudos preliminares indicam que indivíduos fisicamente ativos respondem melhor ao SARS-CoV-2 em comparação a sedentários, embora os efeitos de longo prazo do vírus no perfil inflamatório, metabólico, cardiovascular e de saúde mental carecem de um conhecimento mais profundo. Além disso, sobrepeso e obesidade estão associados a formas mais graves de manifestação dos efeitos da COVID-19. Nesse sentido, a presente proposta visa avaliar se a gordura corporal e a aptidão física são fatores determinantes para resposta inflamatória sistêmica, função cardiovascular e pulmonar, estado funcional e saúde mental em pacientes com SARS-CoV-2, antes e após a vacinação, por meio o estudo observacional prospectivo de coorte. Além disso, explorar os mecanismos moleculares em células mononucleares do sangue periférico de indivíduos bem treinados e não treinados de mesma idade, usando soro homólogo e coronavírus (vírus inativo). Conduziremos um estudo de coorte observacional prospectivo incluindo pacientes adultos previamente infectados com o vírus SARS-CoV-2 (COVID-19 leve a moderado). Os procedimentos serão realizados no início do estudo, seis semanas após a vacinação e novamente aos 12 meses. Será avaliada uma caracterização imunofenotípica, ensaios bioquímicos (parâmetros inflamatórios e metabólicos), composição corporal, nível de atividade física, cardiovascular e função, força muscular periférica e respiratória, capacidade funcional de exercício e saúde mental. Os participantes serão agrupados com base nos níveis de atividade física, composição corporal e status SARS-CoV-2. Um ensaio in vitro (exposição a soro homólogo e/ou coronavírus recombinante) fornecerá efeitos modulatórios da atividade física nas respostas imunológicas ao vírus. Os dados gerados nos ajudarão a responder: 1) O sistema imunológico inato de indivíduos fisicamente ativos responde melhor às infecções virais em comparação com o de sedentários; 2) Quais mecanismos funcionais e metabólicos explicam as diferenças nas respostas em participantes com diferentes níveis de aptidão física e 3) Esses mecanismos têm efeitos modulatórios positivos de longo prazo na saúde mental e cardiovascular.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA, BRUNA SPOLADOR DE ALENCAR; PEREIRA, TELMO; MINUZZI, LUCIELE GUERRA; PADILHA, CAMILA SOUZA; FIGUEIREDO, CAIQUE; OLEAN-OLIVEIRA, TIAGO; DOS SANTOS, IVETE VERA MEDEIROS; VON AH MORANO, ANA ELISA; MARCHIOTO, OSMAR; RIBEIRO, JOSE PROCOPIO JABUR; et al. Mild to moderate post-COVID-19 alters markers of lymphocyte activation, exhaustion, and immunometabolic responses that can be partially associated by physical activity level- an observational sub-analysis fit-COVID study. FRONTIERS IN IMMUNOLOGY, v. 14, p. 16-pg., . (20/07765-6, 21/11932-8, 21/06338-0, 19/26378-6, 19/25626-6, 18/23402-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.