Busca avançada
Ano de início
Entree

Integração de pistas audiovisuais na percepção de fala: análise desenvolvimental

Processo: 21/15214-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2022
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2026
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Larissa Cristina Berti
Beneficiário:Mayara Ferreira de Assis
Instituição Sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Assunto(s):Oralidade   Letramento   Percepção da fala   Adultos   Crianças   Idade   Desenvolvimento da linguagem   Psicoacústica
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:adultos | crianças | Idade | Identificação sonora | Percepção multimodal | Oralidade e Letramento

Resumo

O objetivo do presente estudo é comparar o desempenho de crianças e adultos, com desenvolvimento típico de fala, na tarefa de percepção multimodal envolvendo pistas auditivas e visuais nas diferentes faixas etárias. Assumindo que a percepção multimodal de fala se desenvolve gradativamente (BURNHAM et al., 1991) conforme o desenvolvimento das habilidades psicoacústica (SCHENEIDER et al., 1986;), visuais (DESJARDINS,1997) e linguística (HAZAN e BARRETT, 2000), supomos: (I) que haja efeito significante para grupo etário, especificamente, que o grupo de adultos apresente desempenho mais acurado e menos laborioso em comparação ás crianças, já que, para os adultos, a integração de pistas audiovisuais durante a percepção de fala estaria desenvolvida (MASSARO, 1986; BRANDWEIN, 2011); (II) que haja efeito significativo para as condições de apresentação, especificamente, melhora no desempenho da condição visual a partir dos seis anos de idade, refletido tanto pela maior acurácia quanto pelo menor tempo de reação. Participarão do estudo 75 sujeitos, com desenvolvimento típico de fala, divididos em cinco grupos: no grupo 1 (G1), crianças entre 4-5 anos; no grupo 2 (G2), crianças entre 6-8 anos; no grupo 3 (G3), crianças entre 9-10 anos; no grupo 4 (G4), crianças entre 11-12 anos, com desenvolvimento típico de fala; no grupo 5 (G5), adultos entre 20-30. Cada grupo será composto por 15 indivíduos de ambos os gêneros. Será utilizado o software OpenSesame, para elaboração da tarefa de percepção multimodal, envolvendo estímulos de natureza auditiva e visual correspondentes aos seguintes fonemas consonantais: /f/, /s/, /ƒ/ em contexto da vogal /a/. Os estímulos serão apresentados em condições: (1) auditiva; (2) visual; (3) audiovisual congruente; e (4) audiovisual incongruente. Uma análise estatística inferencial será feita para verificar se há diferença entre os grupos e entre as condições de apresentação dos estímulos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)