Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da expressão gênica após a movimentação dentária ortodôntica em ratas osteopênicas, tratadas com doxiciclina: estudo in

Processo: 22/04506-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2022
Vigência (Término): 30 de junho de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Ortodontia
Pesquisador responsável:Maria Bernadete Sasso Stuani
Beneficiário:Felipe Henrique Corrêa
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Proteína morfogenética óssea 2   Remodelação óssea   Expressão gênica   Plasma sanguíneo   Biomarcadores   In vivo
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:força ortodontica | Movimento dentário | ortodontia | Remodelação óssea | ortodontia

Resumo

O restabelecimento dos tecidos de suporte dos dentes após a movimentação dentária induzida ortodonticamente é o grande desafio em pacientes com osteoporose. Sabe-se que quando indicado a movimentação dentária ortodôntica em pacientes com osteoporose estabelecida, é esperado um tempo pós-tratamento mais longo, e, que existe uma correlação entre a osteoporose presente e traumas mandibulares/maxilares decorrentes da falta de tecido ósseo na região. Objetivo: Este projeto objetiva comparar o uso da doxiciclina em ratas Wistar, em doses subantimicrobianas (SDD), que é um conhecido agente quelante de metais divalentes (Cálcio, por exemplo) e um medicamento com conhecida deposição óssea, o alendronato de sódio, que é o medicamento padrão para tratamento de osteoporose, no tratamento de remodelação óssea após a movimentação dentária induzida ortodonticamente (MDIO). Materiais e métodos: serão utilizadas 72 ratas Wistar divididas em 6 grupos (n=6), sendo os grupos definidos da seguinte maneira: C - Controle; CDOX - Controle exposto à doxiciclina 30 mg/kg/dia; CAL - Controle exposto ao alendronato de sódio 0,7 mg/kg/semana; OVX - Controle Ovariectomizado; OVXDOX - Ovariectomizado exposto à doxiciclina 30 mg/kg/dia; OVXAL - Ovariectomizado exposto ao alendronato de sódio 0,7 mg/kg/semana. As ratas, com cerca de 80 dias de idade, passarão pelo procedimento de indução de osteopenia por 90 dias. Após este período, as ratas serão submetidas ao tratamento com doxiciclina na dose de 30 mg/kg/dia ou alendronato de sódio na dose de 0,7 mg/kg/semana, ambos por 60 dias. O período experimental total será de 150 dias, sendo que catorze e sete dias antes do sacrifício, todos os animais serão submetidos à movimentação dentária induzida ortodonticamente (MDIO). Decorridos 150 dias do início do experimento, será realizada eutanásia. As amostras dos tecidos periodontais de suporte serão submetidas às análises para expressão genica (PCR) para os seguintes genes: RANK, RANL, OPG, osteonectina (ONC), osteocalcina (OCC), sialoproteína óssea (BSP), osteopontina (OPN) e proteína morfogenética óssea 2 (BMP2). Também, será analisado o plasma sanguíneo para a análise de biomarcadores de remodelação óssea: propeptídeo do colágeno tipo 1 (P1NP), osteocalcina, fosfatase alcalina e, a presença de telopeptídeo C-terminal (CTx). Análise estatística: os resultados deste projeto serão submetidos ao teste estatístico apropriado.(AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)