Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do exercício físico de natação na periodontite apical: análise bacteriológica pulpar/periapical e reparadora das fibras colágenas

Processo: 22/04884-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2022
Vigência (Término): 31 de agosto de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Rogerio de Castilho Jacinto
Beneficiário:Michely de Lima Rodrigues
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Periodontite periapical   Resposta inflamatória   Bactérias   Natação   Colágeno   Exercício físico   Técnicas histológicas
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:bactérias | colageno | exercício físico | Natação | Periodontite apical | Endodontia

Resumo

A Periodontite Apical (PA) é o resultado da infecção de bactérias ao canal radicular. A resposta inflamatória do hospedeiro, na tentativa de suprimir os microrganismos, intensifica o processo, gerando perda de suporte ósseo, reabsorção dentária e dor. A prática de atividade física sensibiliza o sistema imunológico, deixando o organismo menos vulnerável a inflamações e infecções. Além disso, o exercício físico mostrou-se capaz de diminuir a intensidade da inflamação causada pela PA. Dessa forma, o objetivo desse estudo é averiguar os efeitos do exercício físico de natação na periodontite apical, desenvolvida em ratos, analisando a presença de bactérias no interior do canal radicular e região periapical e a capacidade de reparo das fibas colágenas do periápice dentário. Vinte ratos wistar machos serão divididos em 2 grupos de 10 ratos cada: grupo C+PA e grupo T+PA. O protocolo ocorrerá em duas etapas: adaptação ao meio aquático e treinamento. A periodontite apical será induzida no 28º dia e os ratos serão sacrificados no 58º dia, por overdose anestésica. Os molares superiores serão coletados e processados para análise histológica com Picrosirius Red (PSR) e Brown-Brenn (B&B). Os dados coletados serão tabulados e analisados estatisticamente no programa SigmaPlot 12.0 (Systat Software Inc., San Jose, USA) ao nível de significância de 5%.(AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)