Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de compostos antioxidantes frente ao estresse por metais pesados em espécies nativas da Mata Atlântica de diferentes hábitos de vida

Processo: 22/07568-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2022
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marisa Domingos
Beneficiário:João Vitor Casimiro Ferreira
Instituição Sede: Instituto de Pesquisas Ambientais (IPA). Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/50341-0 - Desafios para conservação da biodiversidade frente às mudanças climáticas, poluição e uso e ocupação do solo (PDIp), AP.PDIP
Assunto(s):Ecofisiologia   Metabolismo vegetal   Ácido ascórbico   Glutationa   Mata Atlântica
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ácido ascórbico | Defesas antioxidantes | espécies vegetais nativas | Floresta Atlântica | glutationa | tolerância a metais pesados | Ecofisiologia

Resumo

Cobre, zinco e níquel são elementos químicos essenciais para o desenvolvimento e metabolismo vegetal. Contudo, devido às atividades antrópicas poluidoras, esses elementos podem atingir níveis elevados no ambiente natural imporem riscos à biota. O excesso de metais pesados como cobre, zinco e níquel nas plantas podem causar danos oxidativos, levando à diminuição do crescimento e atividades metabólicas, e até mesmo à morte celular. A fim de evitar tais danos, plantas possuem a capacidade de síntese de compostos antioxidantes de defesa. Dentre eles, o ácido ascórbico e a glutationa, são antioxidantes não enzimáticos, que atuam em ciclo conjunto para desintoxicação de radicais livres e proteção contra o estresse oxidativo. Espécies vegetais de diferentes hábitos de vida possuem estratégias de sobrevivência distintas, e é esperado que apresentem perfis de síntese de compostos antioxidantes também distintos. Dessa forma, o projeto tem o objetivo de avaliar a síntese de ácido ascórbico e glutationa em folhas de mudas de duas espécies de diferentes hábitos de vida nativas da Mata Atlântica, cultivadas em solução hidropônica enriquecida com os metais pesados cobre, zinco e níquel. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)