Busca avançada
Ano de início
Entree

Comportamento de anfíbios em gradientes termais: experimentação e inferência evolutiva

Processo: 21/14671-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de agosto de 2023
Vigência (Término): 01 de março de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Fisiologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Carlos Arturo Navas Iannini
Beneficiário:Carlos Arturo Navas Iannini
Anfitrião: Martha Munoz
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Yale University, Estados Unidos  
Assunto(s):Biologia experimental

Resumo

A interação entre ecologia e comportamento é importante ao discutir como e por que a mudança ambiental afeta padrões de distribuição e outros elementos da ecologia durante o Antropoceno. A ecologia fisiológica está no centro dessa interação, com foco disciplinar na relação entre indivíduos e meio ambiente, conforme definido pela fisiologia. O trabalho experimental é importante na ecologia fisiológica, de modo que a operacionalização é necessária, assim como acontece em qualquer outra abordagem experimental. Em outras palavras, pesquisas práticas em ecologia fisiológica experimental exigem que conceitos abstratos como "limites para a atividade" ou "condições preferidas ou ideais", entre outros, sejam traduzidos em variáveis concretas como "temperaturas críticas", "temperaturas preferenciais" ou "temperaturas ótimas". Assim, o vínculo entre os conceitos abstratos que constroem uma estrutura teórica e as variáveis reais medidas torna-se primordial porque define os limites para a inferência adequada. Este projeto de pesquisa aborda a operacionalização como uma questão relevante na ecologia fisiológica a ser abordada na perspectiva das 'temperaturas selecionadas', variável diferente, ainda associada aos conceitos de 'preferência' e 'termotaxis'. A ideia central é examinar três domínios de operacionalização: 1) Individual/População; 2) Heterogeneidade térmica na natureza; e 3) Repetibilidade e estabilidade dos dados. Problemas de operacionalização de concreto dentro desses domínios são transformados em oito perguntas específicas de pesquisa a serem respondidas usando abordagens experimentais especificamente projetadas. Em seguida, o principal objetivo desta iniciativa é analisar o impacto das tendências dominantes de operacionalização. Esperamos fomentar a discussão sobre a importância da operacionalização na ecologia fisiológica, fornecer ferramentas e considerações adicionais para testes em gradientes térmicos e discutir os limites da inferência do trabalho experimental aos problemas de campo/evolutivos na ecologia fisiológica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)