Busca avançada
Ano de início
Entree

Composição de miRNAs em vesículas extracelulares e sua capacidade de induzir imunossenescência em pacientes vivendo com HIV

Processo: 22/04593-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2022
Vigência (Término): 30 de setembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Fabiani Gai Frantz
Beneficiário:Ricardo Cardoso Castro
Supervisor: Kenneth W. Witwer
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa: Johns Hopkins University (JHU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:19/11422-0 - Estudo de marcadores imunológicos e epigenéticos de vesículas extracelulares e sua capacidade de induzir imunossenescência precoce relacionada à infecção pelo HIV, BP.DR
Assunto(s):HIV   Soropositividade para HIV   Imunossenescência   MicroRNAs   Vesículas extracelulares   Terapia antirretroviral de alta atividade
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Hiv | imunossenescência | miRNA | vesículas extracelulares | Resposta imunológica e biologia molecular

Resumo

O Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), causador da síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS) é considerado um grande problema de saúde pública mundial. Dados mais recentes disponibilizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) demonstraram que em 2020, cerca de 37,7 milhões de pessoas estão vivendo com HIV em todo o mundo. Com o surgimento da terapia antirretroviral (TARV), a infecção deixou de ser considerada uma doença letal e adquiriu um perfil de cronicidade. Diante disso, ao passar dos anos foi sendo observado que pessoas que vivem com HIV (PVHIV) têm apresentado um perfil inflamatório sistêmico e crônico que podem favorecer o processo de disfunção imune e proporcionar consequentemente a senescência imunológica. Interessantemente, estudos já demonstraram que miRNAs presentes em vesículas extracelulares (VEs) participam e regulam processos que governam a senescência celular e influenciam consequentemente no envelhecimento. Considerando os aspectos biológicos e funcionais entre VEs e miRNAs, o objetivo deste trabalho é investigar a presença de miRNAs associados à imunossenescência em amostras de VEs isoladas do plasma e em células mononucleares do sangue periférico (PBMCs) de PVHIV e avaliar a capacidade desses miRNAs específicos de induzir imunossenescência de PBMCs de indivíduos saudáveis. Desta maneira, este estudo contribuirá para a compreensão de mecanismos relacionados à imunossenescência durante a infecção por HIV e auxiliará na pesquisa de novos alvos moleculares e biomarcadores que visem à diminuição da inflamação sistêmica em PVHIV. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)