Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização epigenética em dentes com polpa vital e doença periodontal associada antes e após os procedimentos endodônticos

Processo: 21/14459-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2022
Vigência (Término): 31 de maio de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Brenda Paula Figueiredo de Almeida Gomes
Beneficiário:Lidiane Mendes Louzada
Supervisor no Exterior: Henry Fergus Duncan
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa: Trinity College Dublin, Irlanda  
Vinculado à bolsa:19/19300-0 - Investigação dos aspectos clínicos, microbiológicos e imunológicos de dentes com diagnóstico de lesão periodontal primária com envolvimento endodôntico secundário, BP.DR
Assunto(s):Epigênese genética   Inflamação

Resumo

Bactérias e seus fatores de virulência desempenham papel importante na indução das alterações pulpares e perirradiculares. Os biofilmes são os principais fatores etiológicos da inflamação pulpar e periodontal. Em casos de tecidos pulpares vitais e doença periodontal associada, as bactérias das bolsas periodontais são a fonte primária de infecção para a polpa dental através de vias de infecção (i.e., túbulos dentinários, forame apical etc). Em consequência, o sistema imunológico do hospedeiro libera uma variedade de mediadores inflamatórios, contribuindo para os processos destrutivos e reparadores. Mecanismos epigenéticos estão altamente envolvidos em doenças inflamatórias, incluindo a periodontite, a pulpite e a periodontite apical. Os objetivos desta pesquisa clínica são: a) Comparar o perfil de expressão gênica relacionado à inflamação em amostras periodontais de dentes hígidos e de dentes com polpa vital e doença periodontal associada; b) Comparar o perfil de expressão gênica antes e após procedimentos endodônticos em dentes com polpa vital e doença periodontal associada; e c) Comparar o padrão inflamatório em dentes hígidos e em dentes com polpa vital e doença periodontal associada após procedimentos endodônticos. Dez amostras periodontais de dentes hígidos, 10 amostras periodontais antes do tratamento endodôntico (baseline) e 10 amostras periodontais após procedimentos endodônticos (30 dias após a medicação intracanal) serão selecionadas para este estudo. A reação em cadeia da polimerase quantitativa com transcrição reversa (RT-qPCR) usando o sistema de quantificação de uorescência SYBR GREEN em Step-One real-time PCR será realizada. Os resultados obtidos serão analisados estatisticamente no programa SPSS para WINDOWS, versão 19.0 (SPSS Inc, Chicago, IL, USA). Os níveis de significância serão fixados em 5% (P <0,05).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)