Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação entre dislipidemias e dispêndios em saúde em nível populacional: Escores de risco poligênico e modelagem de microssimulação computacional.

Processo: 20/15899-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2022
Vigência (Término): 31 de março de 2026
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia - Economia do Bem-estar Social
Pesquisador responsável:Flávia Mori Sarti
Beneficiário:Jean Michel Rocha Sampaio Leite
Instituição Sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/05125-7 - Estilo de vida, marcadores bioquímicos e genéticos como fatores de risco cardiometabólico: inquérito de saúde na cidade de São Paulo, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):22/14123-6 - Além da predição de custos em saúde relacionados a dislipidemias e outros fatores de risco cardiometabolico: análise explicativa por aprendizado de estrutura e algoritmos de inferência causal, BE.EP.DR
Assunto(s):Custos e análise de custo   Economia da saúde   Marcadores genéticos
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Custos | Economia da Saúde | Marcadores Genéticos | Modelos de Predição | Riscocardiometabólico | Economia da Saúde

Resumo

As doenças cardiovasculares (DCV) correspondem à maior causa de morte no mundo, gerando efeitos significativos nos orçamentos de sistemas de saúde de vários países, inclusive no Brasil. Os custos diretos com tratamento e recuperação dos pacientes representam a maior parte dos dispêndios anuais relacionados às DCV. Estratégias de monitoramento e intervenção sobre fatores de risco para DCV têm sido prioritárias no contexto mundial, considerando expressiva prevalência e repercussões negativas à saúde, qualidade de vida e produtividade da população e à economia dos países. A fisiopatologia das DCV é relacionada às dislipidemias, alterações no perfil lipídico que apresentam elevada prevalência na população e são intrinsecamente associadas a outras morbidades, como obesidade e diabetes tipo 2. Assim, o projeto propõe a condução de estudo empírico sobre dispêndios em saúde em relação à ocorrência de dislipidemias e fatores de risco associados no contexto do projeto temático intitulado "Estilo de vida, marcadores bioquímicos e genéticos como fatores de risco cardiometabólico: Inquérito de Saúde na cidade de São Paulo". A estratégia empírica adotada será baseada em análise de dados de uma amostra representativa em nível populacional de indivíduos residentes no município de São Paulo, considerando fatores de risco e proteção relacionados ao estilo de vida e sua associação com marcadores bioquímicos e genéticos, a partir de: (1) análises de mapeamento gênico (GWAS) e derivação de escores de risco poligênico (PRS) via algoritmos de aprendizado de máquina; (2) estimativa de modelos de regressão múltipla incluindo variáveis instrumentais para controle de viés de omissão; e (3) simulação computacional de cenários futuros ao sistema de saúde brasileiro. Os resultados do estudo permitirão identificar incrementos nos dispêndios em saúde segundo perfis de risco para dislipidemias, apontando estratégias de redução de risco baseadas em prevenção de morbidades com melhor sustentabilidade financeira em médio e longo prazo para adoção no contexto de políticas públicas direcionadas à promoção da saúde populacional.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)