Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso de leguminosas forrageiras em pastos de capim-bahia visando desempenho animal, ciclagem de nutrientes e lixiviação de nitrato no norte da Flórida

Processo: 21/15115-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2022
Vigência (Término): 30 de setembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Pastagens e Forragicultura
Pesquisador responsável:Flávia Maria de Andrade Gimenes
Beneficiário:Marcelo Moretin Vieira
Supervisor no Exterior: José Carlos Batista Dubeux Júnior
Instituição-sede: Instituto de Zootecnia. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Nova Odessa , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Florida, Marianna (UF), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:20/12256-3 - Produtividade animal e estrutura do dossel forrageiro em pastos de leguminosas e gramínea manejados sob lotação contínua com ovinos, BP.IC
Assunto(s):Bovinos de corte   Desempenho animal   Nitrogênio   Sustentabilidade   Manejo de pastagem

Resumo

A produção animal em sistemas a pasto é a forma predominante de criação de ruminantes no mundo, devido ao seu baixo custo, praticidade e segurança alimentar. Segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, o rebanho bovino mundial concentra cerca de 1 bilhão de animais. Visando otimizar a produção de pastagens e o ganho animal, a inserção de leguminosas forrageiras no sistema é de extrema importância. Os produtores no sudeste dos Estados Unidos (EUA) frequentemente optam por não aplicar fertilizantes N devido aos altos custos econômicos e a diminuição da utilização de N nas pastagens tem levado a ocorrências crescentes de pastagens degradadas devido ao esgotamento do N no solo. O plantio de leguminosas forrageiras (C3) em espadas de grama de estação quente (C4) é uma ferramenta de manejo que pode potencialmente reduzir a dependência dos insumos de fertilizantes N. Portanto, o objetivo deste trabalho é substituir a adubação nitrogenada por leguminosas forrageiras fixadoras biológicas de N2 e avaliar o efeito na lixiviação de nitrato, ciclagem de nutrientes e produtividade pecuária em pastagens exclusivas e em mistura com capim-Bahia e amendoim forrageiro. O estudo já está estabelecido no Centro de Pesquisa e Educação do Norte da Flórida (NFREC), Marianna (30° 52'N, 85° 11'W, 35m de altitude). Atualmente, os piquetes contêm nove lisímetros de drenagem (um por unidade experimental; e replicados três vezes) e 18 lisímetros de copo poroso (dois por unidade experimental; e replicados três vezes). Os tratamentos são atribuídos em um delineamento de blocos completos ao acaso, com três repetições. Os tratamentos são 112,09 kg N/ha durante a estação quente em capim-bahia; grama bahia não fertilizada durante a estação quente; capim-bahia/amendoim perene não fertilizado durante a estação quente e o desempenho do gado será determinado a cada 21 dias após o período de jejum de 16 horas. Os dados serão analisados usando PROC MIXED no SAS. Para o ensaio, os efeitos fixos são sistemas de pastejo, ano e data de amostragem. Os blocos serão o efeito aleatório. As médias serão comparadas pelo procedimento LSMEANS ajustado pelo teste de Tukey (P d 0,05). O procedimento de medidas repetidas será usado para variáveis de medidas repetidas. As diferenças serão consideradas significativas a P d 0,05. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)