Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel dos mediadores de morte celular inflamatória na modulação da resposta imune anti-tumoral por Listeria monocytogenes

Processo: 21/07624-6
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2021
Vigência (Término): 31 de agosto de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:João Gustavo Pessini Amarante Mendes
Beneficiário:Andrew Victor Diniz Sardinha
Instituição Sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Imunoterapia   Sistema imune   Resposta imune   Melanoma   Linfócitos T   Antineoplásicos   Listeria monocytogenes
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:imunoterapia | Listeria monocytogenes | Mediadores de Morte Celular | melanoma | Imunoterapia

Resumo

Os linfócitos T citotóxicos (CTLs) reconhecem e eliminam células anormais, como células infectadas e tumorais. Como outras células do sistema imunológico, a presença de CTLs no infiltrado tumoral é um sinal de uma resposta imunológica em curso. Porém, para escapar da resposta imune, as células cancerosas adquirem uma série de mecanismos de evasão e resistência à morte celular. Diferentes espécies de bactérias intracelulares podem ser geneticamente modificadas para fornecer vários tipos de antígenos, particularmente antígenos tumorais. Portanto, o uso dessas bactérias em terapias contra o câncer tornou-se uma ferramenta importante no aumento de uma resposta eficaz contra tumores. Aparentemente, a maneira como o sistema imunológico lida com uma infecção específica teria um impacto na qualidade da resposta imunológica específica do antígeno desejada. O objetivo deste projeto é estudar a potencial resposta antitumoral a bactérias infecciosas recombinantes no contexto de deficiências na maquinaria de morte celular inflamatória. Usaremos Listeria que expressa ovalbumina como vetor infeccioso para induzir respostas de células T CD8 específicas de OVA e testar sua capacidade de eliminar a linha celular de melanoma B16.OVA em camundongos do tipo selvagem e deficientes. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)