Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das vesículas extracelulares na iniciação da resposta imune mediada por células dendríticas e linfócitos T

Processo: 21/05965-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2022
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Adriana Franco Paes Leme
Beneficiário:Jamile de Oliveira Sá
Instituição Sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:18/18496-6 - O papel do álcool na transformação de células orais mediada por vesículas extracelulares, AP.TEM
Assunto(s):Neoplasias   Carcinoma de células escamosas   Vesículas extracelulares   Resposta imune   Células dendríticas   Linfócitos T   Comunicação celular   Proteômica   Consumo excessivo de bebidas alcoólicas   Espectrometria de massas
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Carcinoma de células escamosas Oral | comunicação celular | Espectrometria de massas | Microscopia intravital de excitação por dois fótons | proteômica | vesículas extracelulares | Câncer

Resumo

O Carcinoma Espinocelular (CEC) oral é a neoplasia maligna mais comum em cabeça e pescoço, com alta prevalência, grave morbidade, prognóstico incerto e taxa de sobrevida global em cinco anos baixa, entre 40-50%. O excessivo consumo de álcool é um fator de risco proeminente para o CEC oral. Entretanto, os estágios iniciais da carcinogênese oral guiado pelos fibroblastos quiescentes ou não ativados, por meio da transferência de proteínas em Vesículas Extracelulares (VEs) para as células escamosas e outras células do microambiente, ainda não é conhecido. Assim, o objetivo principal desse projeto é avaliar em modelo animal C57BL/6 o papel das VEs derivadas de fibroblastos e queratinócitos, tratados ou não previamente com álcool, na modulação da resposta das células imunes, mais especificamente, na dinâmica da comunicação das células dendríticas com as células T CD4+ e TCD8+ nos gânglios linfáticos. A dinâmica de interação entre o microambiente tecidual e os linfonodos será avaliada utilizando microscopia intravital de excitação por dois fótons e microdissecção à laser seguida por proteômica baseada em descoberta dos sítios primários (língua) e dos linfonodos (cervical e poplíteo). Essa estratégia inovadora nos permitirá compreender a resposta imune frente aos estímulos iniciais da transformação maligna associados ao álcool. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE CARVALHO-SILVA, LARISSA TINO; NORMANDO, ANA GABRIELA C.; SA, JAMILE DE OLIVEIRA; DOS SANTOS, ERISON SANTANA; DE ROSSI, TATIANE; BUSSO-LOPES, ARIANE FIDELIS; DE OLIVEIRA, ANA KARINA; LEME, ADRIANA F. PAES. Extracellular vesicles in carcinoma microenvironment. BIOCHEMICAL SOCIETY TRANSACTIONS, v. N/A, p. 11-pg., . (21/08034-8, 22/04490-1, 21/03319-4, 19/09692-9, 21/05965-0, 18/18496-6)
NORMANDO, ANA GABRIELA COSTA; DOS SANTOS, ERISON SANTANA; SA, JAMILE DE OLIVEIRA; BUSSO-LOPES, ARIANE FIDELIS; DE ROSSI, TATIANE; PATRONI, FABIO MALTA DE SA; GRANATO, DANIELA CAMPOS; GUERRA, ELIETE NEVES SILVA; SANTOS-SILVA, ALAN ROGER; LOPES, MARCIO AJUDARTE; et al. A meta-analysis reveals the protein profile associated with malignant transformation of oral leukoplakia. FRONTIERS IN ORAL HEALTH, v. 4, p. 15-pg., . (22/04490-1, 19/18751-9, 21/03319-4, 19/09692-9, 18/15535-0, 21/05965-0, 18/18496-6)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.