Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de métodos sustentáveis para extratos de própolis por meio da aplicação de solventes alternativos não voláteis

Processo: 21/11023-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2022
Vigência (Término): 31 de março de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Maurício Ariel Rostagno
Beneficiário:Letícia Sanches Contieri
Supervisor no Exterior: Sonia Patricia Marques Ventura
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Limeira , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade de Aveiro (UA), Portugal  
Vinculado à bolsa:20/03623-2 - Extração e separação por um sistema bidimensional de compostos fenólicos a partir da própolis verde, BP.DD
Assunto(s):Análise   Compostos bioativos   Extração   Própolis   Solventes   Sustentabilidade

Resumo

A própolis é classificada de acordo com as suas características físico-químicas, origem vegetal, espécie de abelha e origem geográfica. Já foram identificados pelo menos 300 compostos orgânicos em diferentes amostras de própolis, os quais apresentam diversos efeitos biológicos, como atividade antioxidante, antimicrobiana, antiviral, antitumoral, antiparasitária, hepatoprotetora e imunomoduladora. Com isso, a produção de extratos com elevada concentração destes compostos tem sido alvo das pesquisas e processos industriais. Essa produção deve ser realizada utilizando as melhores técnicas e condições de extração, a fim de garantir o melhor aproveitamento da matéria-prima, menores custos e boa seletividade. Tradicionalmente, as soluções etanólicas são as mais utilizadas na extração, o que gera um produto a base de álcool que não é bem aceito em algumas culturas, como a muçulmana e em grupos como, crianças, gestantes e indivíduos com intolerância ou dependência ao álcool. Além disso, atualmente há uma cobrança de um desenvolvimento sustentável nos processos de produção a partir de produtos naturais. Sendo assim, a busca por novos métodos de extração para recuperação dos compostos bioativos da própolis se torna necessária para fornecer um produto de alta qualidade e sustentável. Por conta desses desafios, o atual projeto de pesquisa propõe a extração de compostos de própolis bruta por meio de solventes alternativos não voláteis, os líquidos iônicos (LIs) e os solventes eutéticos, e a reciclagem dos solventes após a extração. Com o desenvolvimento de processos de extração e purificação mais sustentáveis, este projeto permitirá igualmente o estudo de novas aplicações para os produtos obtidos a partir da própolis, os quais poderão vir a ser a base para novos produtos e materiais, possibilitando a criação de riqueza e emprego.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)