Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização de microRNAs com efeitos funcionais previsto na formação e perda óssea

Processo: 21/09597-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 31 de janeiro de 2022
Vigência (Término): 30 de janeiro de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Sandra Helena Penha de Oliveira
Beneficiário:Victor Gustavo Balera Brito
Supervisor no Exterior: Audrey Mcalinden
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Washington, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/23676-3 - Participação dos microRNAs nas alterações ósseas locais induzidas pela doença periodontal e pelo sistema renina-angiotensina local em ratos espontaneamente hipertensos, BP.DR
Assunto(s):MicroRNAs   Osteoclastogênese

Resumo

As doenças inflamatórias podem prejudicar a homeostase óssea adequada, diminuindo a atividade dos osteoblastos e/ou aumentando a atividade dos osteoclastos, favorecendo a perda de massa óssea, bem como danos estruturais e funcionais. A doença periodontal (DP) é um distúrbio inflamatório que afeta os tecidos que revestem e sustentam os dentes, podendo levar à reabsorção do osso alveolar, resultando na perda do dente, e comorbidades associadas, como hipertensão, podem aumentar significativamente a progressão da periodontite. Vários mecanismos estão relacionados à perda óssea alveolar induzida por inflamação, e nossos estudos anteriores demonstraram o papel do sistema renina-angiotensina na regulação da perda óssea observada em ratos hipertensos por meio da modulação de mediadores inflamatórios e da expressão gênica óssea. Os microRNAs (miRNAs) são reguladores epigenéticos que suprimem a expressão de diferentes mRNAs alvo e têm chamado a atenção como um importante mecanismo em processos fisiológicos e patológicos. Pretendemos então avaliar os perfis de expressão de miRNAs na mandíbula de ratos Wistar (normotensos) e espontaneamente hipertensos com DP por análise de microarray. Para o presente estudo, pretendemos investigar a função e os mecanismos de miRNAs diferencialmente expressos identificados a partir do estudo de microarray, determinando seus efeitos na diferenciação in vitro de células progenitoras esqueléticas humanas e de rato em linhagem de osteoblastos ou osteoclastos.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)