Busca avançada
Ano de início
Entree

Edição de genes de Citrus sinensis visando atenuar o acúmulo de caloses associadas aos sintomas do Huanglongbing (HLB)

Processo: 21/03466-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2021
Vigência (Término): 30 de junho de 2025
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Alessandra Alves de Souza
Beneficiário:Dhiôvanna Corrêia Rocha
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:20/07045-3 - Estratégias biotecnológicas e genômicas para qualidade, produtividade e manejo sustentável de citros, café e cana-de-açúcar no estado de São Paulo, AP.NPOP
Assunto(s):Genética vegetal   Biologia molecular vegetal   Citrus sinensis   Greening (doença de planta)   Sistemas CRISPR-Cas   Laranja   Ribonucleoproteínas   Repetições palindrômicas curtas agrupadas e regularmente espaçadas
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Caloses sintases | Cas | Crispr | Greening | laranja doce | ribonucleoproteina | Genética e Biologia molecular

Resumo

A laranja doce é uma das espécies de Citrus mais afetadas pelo Huanglongbing (HLB), uma doença causada pela bactéria Candidatus Liberibacter spp. (CLas) que é considerada uma ameaça à Citricultura mundial. Como todas as espécies comerciais de citros são suscetíveis ao HLB, o desenvolvimento de variedades tolerantes se tornou o maior desafio da Citricultura. A edição gênica sítio-específica realizada por meio da técnica CRISPR/Cas, via plasmídeo ou ribonucleoproteína (RNP), é uma abordagem inovadora que pode ser usada para promover a alteração das respostas das plantas infectadas com a CLas. Trabalhos prévios demonstraram que a expressão de genes relacionados à deposição de calose (CscalS7 e CscalS12) no floema estão associados aos sintomas do HLB em genótipos mais suscetíveis. Assim, neste projeto os genes CscalS7 e CscalS12 serão alvos de edição por meio das técnicas CRISPR/Cas via plasmídeo e RNP, com o objetivo de desenvolver laranjeiras tolerantes ao HLB. A aplicação destas tecnologias ao estudo do patossistema citros-HLB irá ampliar o conhecimento dos mecanismos envolvidos na resposta ao HLB e ainda poderá contribuir com novas estratégias de busca de tolerância ou resistência para serem utilizadas em genótipos suscetíveis, além de permitir o desenvolvimento de variedades de citros não transgênicas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)