Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial da restauração da floresta ripária na estrutura e funcionamento de riachos tropicais

Processo: 20/16244-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2021
Vigência (Término): 31 de agosto de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Silvio Frosini de Barros Ferraz
Beneficiário:Matheus Eijii Kinchoku Ogasawara
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Luz   Matéria orgânica   Metabolismo   Restauração   Hidrologia de floresta

Resumo

Os riachos tropicais possuem grande importância devido a sua biodiversidade, provisão de serviços ecossistêmicos essenciais para os humanos, mas também por ser considerado um dos ecossistemas mais ameaçados pelas mudanças do uso do solo e do clima. A floresta ripária é um componente importante para a dinâmica e funcionamento dos riachos, pois auxiliam a manter seus processos ecossistêmicos, controlando a entrada de luz e matéria orgânica. Este estudo tem como objetivo avaliar o desempenho de florestas ripárias restauradas em fornecer matéria orgânica e sombra para riachos, de acordo com o tempo de restauração. Como objetivo secundário, a proposta avaliará como aumento ou redução destes processos afetariam no funcionamento dos riachos. O estudo será desenvolvido na Estação Experimental de Ciências Florestais de Itatinga (EECFI), da Universidade de São Paulo. Serão realizados três tipos de tratamentos de manipulação da complexidade estrutural do riacho: i. adição de sombreamento, ii. adição de troncos e, iii. a adição combinada de sombreamento e troncos. Para avaliações dos efeitos, será analisada a qualidade da água, por meio de amostras de água e medição in loco de oxigênio. Adicionalmente, serão mensurados o metabolismo (produção primária bruta, respiração da comunidade aquática e a produção primária líquida) e a atividade biológica a partir de dois protocolos em laboratório. Ao final espera-se que seja possível entender como as florestas ripárias restauradas e a manipulação da complexidade estrutural do riacho podem melhorar e manter a qualidade da água, seus processos e suas funções ecossistêmicas.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)