Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso de cannabis, trauma na infância e variantes endocanabinóides e glutamatérgicas: risco de psicose

Processo: 20/15752-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2021
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Cristina Marta Del-Ben
Beneficiário:Camila Marcelino Loureiro
Instituição Sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):22/15283-7 - Mecanismos biológicos que envolvem a associação entre ganho de peso e tratamento com antipsicótico em pacientes com psicose e modelo animal de psicose, BE.EP.PD
Assunto(s):Transtornos psicóticos   Cannabis   Canabinoides   Endocanabinoides   Polimorfismo de um único nucleotídeo   N-metilaspartato   Expressão gênica   Metilação de DNA   Reação em cadeia da polimerase via transcriptase reversa quantitativa (qRT-PCR)   Sequenciamento de nucleotídeos em larga escala
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Cannabis | Cnr1 | NMDAr | Primeiro episódio psicótico | trauma na infância | Variantes de nucleotídeo único | Transtornos psicóticos

Resumo

O uso de cannabis e o trauma na infância associados à predisposição genética podem aumentar o risco de psicose. Variações genéticas nos genes dos receptores N-metil-d-aspartato (NMDAR) e Canabinoide tipo 1 (CB1) têm contribuído para o desenvolvimento de psicoses. No entanto, os processos neurobiológicos subjacentes a esta relação (uso de cannabis, trauma na infância e variantes dos genes do NMDAR e CB1) são desconhecidos em pacientes em Primeiro Episódio Psicótico (PEP) ou em estágios iniciais da doença. Objetivos: estudo 1: investigar a interação e associação das variantes de nucleotídeo único dos genes do NMDAR (GRIN1, GRIN2A e GRIN2B) e do CB1 (CNR1) e o trauma na infância sobre o efeito de usar cannabis para entender os mecanismos da psicose; estudo 2 (incluindo BEPE): investigar a interação e associação entre uso de cannabis, trauma na infância e as variantes dos genes dos receptores NMDA e CB1 sobre o impacto em marcadores periféricos (expressão gênica e metilação do DNA), bem como desenvolver um modelo de metilação do DNA in vitro para identificar marcadores biológicos da psicose. Métodos: estudo 1 (dados já coletados): incluiremos amostras de sangue periférico de pacientes em PEP (n=143), irmãos não afetados pela doença (n=73) e controles de base populacional (n=286) recrutados de Ribeirão Preto e região. Estudo 2 (nova coleta de dados): utilizaremos leucócitos isolados do sangue periférico de pacientes em estágios iniciais de psicose e controles (n=100/grupo). O uso de cannabis será avaliado pelo Questionário de Experiência com Cannabis-Versão Modificada, o trauma na infância pelo Questionário de Trauma na Infância, as variantes por uma matriz de genotipagem personalizada do Illumina, a expressão gênica por RT-qPCR e a metilação do DNA por pirossequenciamento. As associações entre o perfil genético/molecular dos genes do NMDAR e do CB1, o uso de cannabis e o trauma na infância serão avaliadas por análises lineares de efeitos mistos e modelos de regressão logística ajustados. Resultados esperados: os indivíduos em uso de cannabis e com histórico de trauma na infância associados às variantes relevantes dos genes do NMDAR e CB1 apresentarão maior vulnerabilidade à psicose, bem como apresentarão metilação do DNA alterada e reduzida expressão dos genes do NMDAR e CB1. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CAMILA MARCELINO LOUREIRO; FABIANA CORSI-ZUELLI; HELENE APARECIDA FACHIM; ROSANA SHUHAMA; ADRIELLE MARTINS DE OLIVEIRA; PAULO ROSSI MENEZES; CAROLINE F. DALTON; PAULO LOUZADA-JUNIOR; SINTIA IOLE BELANGERO; FERNANDA COELI-LACCHINI; et al. Lifetime cannabis use and childhood trauma increase risk of psychosis in carriers of CNR1 genetic variants: findings from the STREAM study. Revista Brasileira de Psiquiatria, v. 45, n. 3, p. 226-235, . (20/15752-1, 21/07448-3, 13/11167-3, 17/00624-5, 13/08216-2, 12/05178-0, 15/02948-7, 19/13229-2)
CORSI-ZUELLI, FABIANA; HENRIQUES SCHNEIDER, AYDA; SANTOS-SILVA, THAMYRIS; MARCELINO LOUREIRO, CAMILA; SHUHAMA, ROSANA; ROSSI MENEZES, PAULO; SILVEIRA GUIMARAES, FRANCISCO; VILLELA GOMES, FELIPE; QUEIROZ CUNHA, FERNANDO; LOUZADA, PAULO; et al. Increased blood neutrophil extracellular traps (NETs) associated with early life stress: translational findings in recent-onset schizophrenia and rodent model. TRANSLATIONAL PSYCHIATRY, v. 12, n. 1, p. 11-pg., . (13/08216-2, 13/11167-3, 18/17597-3, 12/05178-0, 19/19190-0, 19/13229-2, 21/07448-3, 20/15752-1, 17/24304-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.