Busca avançada
Ano de início
Entree

Nanoplataformas de TRVO4 decorados com Au combinando nanotermometria e atividade nanoenzimática

Processo: 21/08107-5
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 15 de novembro de 2021
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Paulo Cesar de Sousa Filho
Beneficiário:Tamires Maira Oliveira
Supervisor: Pedro Henrique Cury Camargo
Instituição Sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Helsinki, Finlândia  
Vinculado à bolsa:19/21896-9 - Desenvolvimento de novas plataformas para nanotermometria em reações por catálise plasmônica, BP.MS
Assunto(s):Catálise   Materiais nanoestruturados
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:catálise | Nanotermometria | Nanozimas | Plamônica | Nanomateriais

Resumo

Nanopartículas metálicas apresentam ressonância de plásmons de superfície localizada que são características únicas para aplicações em sensoriamento óptico e catálise plasmônica, o que estimula a pesquisa fundamental e aplicada neste campo. Nanopartículas de ouro (AuNPs) também demonstram atividade semelhante a enzimas em uma variedade de reações, e os catalisadores de nanopartículas plasmônicas são altamente interessantes pela possibilidade de usar a luz para direcionar e ajustar o perfil catalítico dessas nanoestruturas. Além disso, o conhecimento melhorado dos perfis de aquecimento local de nanozimas plasmônicas e contribuições térmicas para os mecanismos de reação são cruciais para o desenvolvimento de biocatalisadores baseados em nanopartículas controláveis. Nesse sentido, a combinação de AuNPs com nanopartículas luminescentes de vanadato de terras raras (TRVO4) permite a produção de catalisadores plasmônicos multifuncionais com resposta termométrica, que podem fornecer informações inovadoras sobre a biocatálise de nanozimas e mais conhecimento sobre perfis de temperatura locais aplicáveis em sistemas biológicos. Propomos aqui otimizar a combinação de AuNPs e partículas TRVO4 obtidas anteriormente em termos da razão Au / RE e estabilidade de agregados, para investigar a atividade da nanozima plasmônica das estruturas TRVO4-AuNP por meio do uso de substratos enzimáticos modelos, e para realizar investigação in situ composicional/estrutural desses sistemas durante os testes biocatalíticos por espectroscopia de absorção de raios-X. Os resultados deste projeto serão combinados com outras medidas de termometria para fornecer uma avaliação ampla e detalhada do comportamento nanotermométrico e das nanozimas das estruturas TRVO4-AuNP.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)