Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação in vitro da biocompatibilidade, permeabilidade intestinal e propriedades anticâncer de sistemas multifuncionais destinados à liberação colônica do bevacizumabe no tratamento do câncer colorretal

Processo: 21/08699-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 15 de dezembro de 2021
Vigência (Término): 14 de junho de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Maria Palmira Daflon Gremião
Beneficiário:Suzana Gonçalves Carvalho
Supervisor: Bruno Filipe Carmelino Cardoso Sarmento
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade do Porto (UP), Portugal  
Vinculado à bolsa:19/10761-5 - Sistemas multifuncionais destinados à liberação cólon específica do bevacizumabe para o tratamento do Câncer Colorretal, BP.DR
Assunto(s):Teste de biocompatibilidade   Nanopartículas poliméricas   Neoplasias colorretais   Técnicas in vitro   Sistemas de liberação de medicamentos   Bevacizumab
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Avaliaçao in vitro | biocompatibilidade | células 3D | nanopartículas poliméricas | Sistema de liberação de fármacos | Avaliação de atividade in vitro

Resumo

O câncer colorretal (CCR) é o terceiro tipo de câncer mais comum em termos de incidência e o segundo mais letal em todo mundo A quimioterapia endovenosa tem sido o recurso terapêutico utilizado no tratamento do câncer, todavia, a eficácia terapêutica limitada e os efeitos adversos comprometem a utilização por essa via. A liberação cólon específica do bevacizumab (BVZ) a partir de sistemas nanoestruturados visando o aumento da eficácia e redução dos efeitos colaterais vem sendo amplamente explorada e mostrando-se um potencial estratégia para o tratamento do CCR. Embora a combinação de nanotecnologia tenha representado uma abordagem de tratamento promissora, sua tradução para a clínica tem sido dificultada pela ausência de modelos celulares que possam fornecer conhecimento confiável e preditivo sobre a eficiência in vivo da formulação. Por sua vez, os sistemas 3D multicelulares, por mimetizarem as principais informações genéticas, físicas e mecânicas do microambiente tumoral, constituem uma ferramenta promissora como modelo para o estudo de câncer. O presente projeto tem por objetivo realizar o estudo in vitro da biocompatibilidade, permeabilidade intestinal e propriedades anticâncer de sistemas multifuncionais poliméricos para liberação colón específica do BVZ para o tratamento do câncer colorretal, a ser realizado no Instituto de Investigação e Inovação em Saúde - Universidade do Porto, em Portugal, sob supervisão do Prof. Dr. Bruno Filipe Carmelino Cardoso Sarmento. Este estudo contribuirá decisivamente para a compreensão da influência do muco na liberação e permeação da nanopartícula polimérica contendo BVZ, a influência da modificação de superfície com quitosana na mucoadesão de sistemas poliméricos, além de verificar a biocompatibilidade e propriedades anticâncer dos sistemas estudados. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARVALHO, SUZANA; SILVEIRA, MARIA JOSE; DOMINGUES, MARIANA; FERREIRA, BARBARA; PEREIRA, CATARINA LEITE; GREMIAO, MARIA PALMIRA; SARMENTO, BRUNO. Multicellular Quadruple Colorectal Cancer Spheroids as an In Vitro Tool for Antiangiogenic Potential Evaluation of Nanoparticles. ADVANCED THERAPEUTICS, v. N/A, p. 11-pg., . (14/50928-2, 19/10761-5, 21/08699-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.