Busca avançada
Ano de início
Entree

Constituição da psicologia histórico-cultural no brasil: uma análise a partir dos primeiros grupos de pesquisa

Processo: 21/06182-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2021
Vigência (Término): 31 de agosto de 2022
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Flávia da Silva Ferreira Asbahr
Beneficiário:Gabriel Luiz de Cantuária
Instituição-sede: Faculdade de Ciências (FC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Psicologia cultural-histórica   História da psicologia   Grupos de pesquisa   Entrevista   Pesquisa bibliográfica

Resumo

A história da Psicologia Histórico-Cultural no Brasil começa no final da década de setenta com o contato de pesquisadores com textos de psicólogos soviéticos, sobretudo Luria, Leontiev e Vigotski. Desde então, a Psicologia Histórico-Cultural tem encontrado grande inserção nas áreas da Educação e da Psicologia, sendo referencial teórico de mais de 100 grupos de pesquisa cadastrados no diretório do CNPq (TOASSA; ASBAHR; SOUZA, 2020). Nesses 40 anos de história, a teoria foi objeto de estudo quanto ao seu desenvolvimento no país a partir de estudos bibliográficos, teóricos e de trajetória de pesquisadores, contudo, tais estudos ainda são pouco numerosos, o que revela uma certa fragilidade no estudo da história desta teoria no país. Levando isso em consideração, este trabalho tem como objetivo compreender a consolidação da Psicologia Histórico-Cultural como orientação teórico-metodológica dos primeiros grupos de pesquisa cadastrados no Diretório de Grupos do CNPq que atuam com esta teoria. Por meio de entrevistas semiestruturadas, participarão da pesquisa os líderes dos primeiros quatro grupos cadastrados no CNPq que trabalham com esta teoria, de modo a identificar, a partir da análise dos relatos verbais coletados, as condições de contato com a teoria e de formação dos grupos. Dessa maneira, a partir da análise dos relatos verbais desses pesquisadores, conjuntamente com revisão bibliográfica, pretende-se contribuir com o estudo da história da Psicologia Histórico-Cultural no Brasil com a construção de um quadro geral dos determinantes que estiveram presentes no processo de contato com esta abordagem, assim como de formação dos grupos de pesquisa, levando em consideração tanto os aspectos particulares quanto os aspectos universais presentes em tal processo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)