Busca avançada
Ano de início
Entree

O ensino de solos na geografia escolar: percepções a partir da formação e da prática pedagógica de professores do ensino fundamental da cidade de Campina Grande - PB

Processo: 21/04265-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2021
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geografia Física
Pesquisador responsável:João Osvaldo Rodrigues Nunes
Beneficiário:Anderson Felipe Leite dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Educação escolar básica   Ensino e aprendizagem   Educação ambiental   Formação de professores   Geografia   Solos

Resumo

O solo é um recurso físico-natural utilizado pelos seres humanos desde as primeiras civilizações e, portanto, um substrato constitutivo do processo espaço-temporal evolutivo da sociedade. Apesar de sua grande relevância ambiental, este recurso natural vem sendo alvo de um processo de degradação expressivo resultado da ação antrópica representada por queimadas, desmatamentos, entre outros impactos causados pelo ser humano e que levam à redução significativa de nutrientes minerais e de matéria orgânica, ameaçando a biodiversidade e restringindo e/ou impossibilitando o uso dos solos para a agricultura. Nesse contexto, a abordagem acerca dos conteúdos referentes a solos nas escolas desde os primeiros anos do ensino fundamental é de extrema importância, tendo em vista a relevância de uma discussão que gravite sobre a perspectiva da preservação desse recurso, bem como de elementos importantes para a sua existência e equilíbrio, como é o caso da vegetação que o protege de processos erosivos. Assim, torna-se pertinente uma prática docente voltada para o desenvolvimento de uma consciência ambiental nos estudantes a partir de atividades práticas que consigam conciliar teoria e prática, podendo alcançar a mudança de comportamento de inúmeros alunos, tornando-os influentes na defesa do meio ambiente. Nesse campo de contextualização, nesta pesquisa propõe-se compreender as perspectivas que permeiam a formação inicial de professores de Geografia e a abordagem dos conteúdos relacionados à temática solos em turmas de 6º e 7º ano do ensino fundamental da Escola Municipal Tiradentes, Campina Grande-PB. Como desdobramento desse objetivo elencou-se: a) identificar como os PCNs para o ciclo II do ensino fundamental permitem que o ensino de solos seja inserido nas questões ambientais e na leitura da paisagem; b) analisar os livro didáticos de Geografia utilizados na escola de educação básica alvo da pesquisa; c) investigar como o tema solo está sendo trabalhado pelos professores da educação básica envolvidos na pesquisa; e, por fim, d) desenvolver atividades didático-práticas sobre o conteúdo solos com as turmas envolvidas na proposta. Por fim, ressalta-se a necessidade de debater a importância do solo como um componente físico-natural na interface sociedade e natureza e de abordar outras perspectivas de solo, não restritas a de recurso, em prol de contribuir com o processo de ensino e aprendizagem de Geografia mediante a proposição de estratégias didáticas. Ademais, o estudo sobre as abordagens do solo na Geografia escolar enfatizando a formação e a prática docente, se torna relevante e necessário para refletirmos como vem ocorrendo o processo de ensino-aprendizagem dos conteúdos da Pedologia, ciência que estuda o solo, nas aulas de Geografia, tendo em vista a significativa relevância dessas abordagens por parte do docente no sentido de formar cidadãos mais conscientes em relação ao meio ambiente. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)