Busca avançada
Ano de início
Entree

SAWI - Savvy Access through Worldwide Internet

Processo: 21/09198-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de setembro de 2021
Vigência (Término): 31 de maio de 2023
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Telecomunicações
Convênio/Acordo: MCTI/MC
Pesquisador responsável:Epaminondas Aguiar de Sousa Junior
Beneficiário:Edgard da Cunha Pontes
Vinculado ao auxílio:20/05174-0 - SAWI - Savvy Access through Worldwide Internet, AP.PIPE
Assunto(s):Aprendizado computacional   Computação em nuvem   Programabilidade de rede

Resumo

Neste projeto de pesquisa, abordamos o problema da programabilidade de arquiteturas de rede sobreposta. Uma arquitetura de rede pode ser definida como um sistema de comunicação distribuído tendo os seguintes atributos: (I) Plano de controle que contém a lógica de controle, impactando no projeto dos algoritmos de rede ; (II) Plano de dados que toma as decisões de encaminhamento (baseado em fluxo, endereço de destino, etc ); (III) Plano de gerência que trata com o estado no qual a rede opera (para a comutação, roteamento ou QoS). e (IV) Plano de conhecimento que trata de técnicas de aprendizado, automação e orquestração inteligente; Programabilidade de rede permite aos projetistas da rede adicionar, remover ou modificar o estado da rede sob demanda. Configurando dinamicamente os estados nos elementos de rede, projetistas podem arquitetar suas redes de modo que estas se comportem otimamente de acordo com algum objetivo de desempenho (e.g. baixa latência ou alta vazão). Isso pode ser alcançado de vários modos tais como pela programação dos nós intermediários da rede, pela programação do roteamento, ou mesmo gerenciando os fluxos dirigidos por algoritmos para garantir os serviços oferecidos aos sistemas finais. A programabilidade de rede é um problema desafiador, dada a complexidade em definir um modelo de redes programável genérico e um conjunto de interfaces de programação que compreendam roteamento, comutação, controle de acesso e encaminhamento. Apesar dos avanços tecnológicos em SDN, NFV e Nuvem, para formar as fundações das redes modernas, suas funções e sua computação, há um conjunto de desafios que precisam ser enfrentados, especialmente para gerenciar de modo eficiente as redes WAN e garantir dependabilidade no serviço de conectividade. Neste projeto, propomos como passo transformativo para avançar o estado da arte, a construção de uma plataforma denominada SAWI (Savvy Access through Worldwide Internet) como habilitadora de "Provedores Virtuais de Acesso" à Internet. A abordagem SAWI se diferencia das soluções existentes, ao explorar a programabilidade de rede em conjunto com elementos virtuais programáveis em nuvens híbridas, de modo a permitir que os elementos arquiteturais sejam orquestrados a partir de técnicas de aprendizado de máquina (self-driving network).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)