Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de sinais eletrofisiológicos durante o aprendizado temporal

Processo: 21/02377-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2021
Vigência (Término): 20 de fevereiro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica de Processos e Sistemas
Pesquisador responsável:Marcelo Bussotti Reyes
Beneficiário:Luis Fernando Fontoura de Oliveira
Instituição Sede: Centro de Matemática, Computação e Cognição (CMCC). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):22/14742-8 - Análise de padrões ordinais e pseudo entropia de transferência em registros de potencial de campo local, BE.EP.MS
Assunto(s):Eletrofisiologia   Modelos animais   Neurociências
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Aprendizado temporal | Eletrofisiologia | modelos animais | potencial de campo local | Neurociência

Resumo

A percepção temporal e a capacidade de produzir comportamento cronometrado são fundamentais para a sobrevivência animal. Vários autores apontam a cotutela da produção de intervalos na escala de centenas de milissegundos a dezenas de segundos entre o estriado (STR) e o córtex pré-frontal (CPF). Resultados recentes do nosso grupo, por outro lado, apontam que em há uma distinção na sua participação destas duas áreas durante o aprendizado: o CPF domina a etapa de aquisição temporal, e o STR a sua reprodução depois do aprendizado (Chiuffa-Tunes et al., 2020). Ainda não está estabelecido, porém, como a codificação do intervalo migra do CPF para o STR. Neste projeto, o aluno se propõe a analisar com mais detalhes os sinais de disparos neurais e sinais de campo local durante o aprendizado de uma tarefa de produção temporal, no intuito de detalhar essa transição ao longo da aquisição do intervalo. Os registros eletrofisiológicos dos animais serão categorizados de acordo com três índices: 1) a sua sequencialidade de disparos em cada região, 2) da similaridade das taxas de disparo antes e depois do aprendizado, e também do 3) acoplamento entre as frequências dos potenciais de campo local em cada região e entre regiões. Espera-se, com estas avaliações, caracterizar melhor como a aprendizagem se manifesta em termos da atividade neural e avançar na compreensão da reorganização da sua dinâmica durante os processos de aprendizagem.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)