Busca avançada
Ano de início
Entree

Uma análise geoquímica comparativa de crostas de Fe-Mn do oceano Atlântico

Processo: 21/06941-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 10 de outubro de 2021
Vigência (Término): 09 de outubro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Luigi Jovane
Beneficiário:Muhammad Bin Hassan
Supervisor no Exterior: Andrea Koschinsky-Fritsche
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Jacobs University, Alemanha  
Vinculado à bolsa:17/04821-0 - Análise magnetostratigráfica de depósitos de ferromanganês, BP.DD
Assunto(s):Geologia marinha

Resumo

Este projeto propõe a investigação geoquímica relacionada aos dados magnéticos e paleomagnéticos de amostras de crostas de ferromanganês (Fe-Mn), coletadas em três regiões distintas do Oceano Atlântico, ou seja, a elevação do Rio Grande Oriental (ERGR), a Elevação do Rio Grande Ocidental (WRGR ) e o monte submarino chamado Tropic seamount. Estudos recentes revelaram que as camadas mais antigas de crostas de Fe-Mn de WRGR mostram alterações diagenéticas pós-deposicionais, resultando em fosfatização sob condições subóxicas durante o Mioceno. (Benites et al., 2020), enquanto as crostas do monte submarino Tropic apresentam um grande evento de fosfatização a partir de 38 Ma (Josso et al., 2019). Esta pesquisa pretende realizar um estudo geoquímico detalhado em crostas de Fe-Mn de ERGR e que não foram investigadas e pertencem a profundidades de água mais profundas sendo menos susceptíveis de serem afetadas pela fosfatização. Os estudos magnéticos de rochas mostraram mudanças na mineralogia magnética em relação às diferentes camadas diageneticamente alteradas e fosfatizadas, resultando em magnetização secundária realizada por minerais magnéticos variáveis. Dados magnéticos contínuos combinados com dados geoquímicos ao longo das seções das amostras de crostas forneceriam informações paleoceanográficas vitais e comparáveis em escala regional. Este projeto está vinculado ao projeto de doutorado em andamento da FAPESP (Bolsa no país) intitulado "Análise magnetostratigráfica de depósitos de ferromanganês".

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)