Busca avançada
Ano de início
Entree

Práticas integrativas e complementares no cuidado às mulheres no ciclo gravídico-puerperal: scoping review

Processo: 21/04047-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2021
Vigência (Término): 30 de junho de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem Obstétrica
Pesquisador responsável:Leandra Andréia de Sousa
Beneficiário:Lucia Esteves Duarte
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde pública   Sistema Único de Saúde   Humanização da assistência   Papel do profissional de enfermagem   Revisão de escopo   Terapias complementares   Ciclo gravídico-puerperal   Gestantes   Pandemias   COVID-19

Resumo

Introdução: A busca pela na atenção obstétrica humanizada e pelo uso de Práticas Integrativas e Complementares (PIC) pela equipe multiprofissional do Sistema Único de Saúde (SUS) tem sido cada vez mais crescente visando a humanização da assistência e a atenção integral à mulher no ciclo gravídico-puerperal. Objetivo: Explorar e mapear a literatura científica relacionada às PIC no cuidado de mulheres durante o ciclo gravídico-puerperal no SUS, considerando também o contexto da pandemia COVID 19. Métodos: Trata-se de uma scoping review (revisão de escopo), delineada segundo as recomendações do Joanna Briggs Institute (JBI). Será utilizada a estratégia PCC (População, Conceito e Contexto) e a seguinte questão norteadora: "Como se dá a oferta de PIC no cuidado de mulheres no ciclo gravídico puerperal no contexto do SUS, considerando também o contexto da pandemia COVID 19?". A busca será realizada em plataformas nacionais e internacionais, os dados dos estudos serão organizados e analisados de acordo com a análise temática de conteúdo, à luz dos referenciais da integralidade e das políticas de saúde do SUS. Resultados esperados: A partir da presente revisão, diante do mapeamento e das evidências científicas identificadas, espera-se contribuir para o uso seguro e eficaz dessas abordagens terapêuticas e consequentemente para as políticas públicas de saúde, tendo em vista a humanização e a integralidade da atenção obstétrica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)